Corpo encontrado em Gardênia é identificado como sendo de paraguaçuense desaparecido em agosto

O corpo foi encontrado já em avançado estado de decomposição. Foi necessário realizar exame através das digitais para identificá-lo.

Jurandir Antonio de Oliveira (Foto: Arquivo Pessoal)

Os familiares de Jurandir Antonio de Oliveira receberam a informação de que o seu corpo foi encontrado no dia 05 de setembro em uma plantação, no distrito de Gardênia, em Rancharia (SP). Devido ao estado de putrefação do corpo, precisou ser realizado exame de identificação e o resultado foi divulgado apenas nesta terça-feira (29).

O paraguaçuense, de 42 anos, estava desaparecido desde o dia 14 de agosto. Acompanhado de um amigo, ele foi pescar em Gardênia, distrito de Rancharia. O seu amigo pediu para que ele fosse até a cidade de Iepê (SP) comprar algo para eles comerem. Após, Jurandir não retornou mais.

O corpo foi encontrado no dia 05 de setembro em uma área rural de Gardênia, já em avançado estado de decomposição. Ele foi levado ao IML de Presidente Prudente (SP). Não foi revelada a causa da morte.

O corpo será liberado nesta quarta-feira, dia 30, para ser velado e sepultado em Paraguaçu Paulista.

#MAIS LIDAS DA SEMANA