Polícia investiga morte de empresário encontrado no poço de elevador de casa em condomínio de alto padrão

Corpo de Paulo Roberto Athaliba, de 64 anos, foi encontrado por familiares embaixo do elevador, no piso térreo da residência em Assis. Caso foi registrado como morte suspeita.

O empresário Paulo Roberto Athaliba, de 64 anos, se acidentou no elevador se sua própria casa, em condomínio de Assis (Foto: Arquivo pessoal)

O empresário Paulo Roberto Athaliba, de 64 anos, se acidentou no elevador se sua própria casa, em condomínio de Assis (Foto: Arquivo pessoal)

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar as circunstâncias da morte do empresário de 64 anos que foi prensado pelo elevador da casa dele em um condomínio de alto padrão localizado na Avenida Rui Barbosa, em Assis (SP). O caso foi registrado como morte suspeita.

Segundo informações da ocorrência, o corpo de Paulo Roberto Athaliba foi encontrado por familiares no poço do elevador residencial da casa a os bombeiros foram acionados no início da tarde deste domingo (18).

A mulher da vítima relatou aos bombeiros que viu o marido pela última vez na noite de sábado (17). Na manhã do domingo, achou que ele pudesse ter saído. No entanto, ela ligou para os filhos, que foram até à residência e eles encontraram o corpo do empresário prensado embaixo do elevador, no piso térreo.

O elevador servia para deslocamento apenas para um pavimento do sobrado, em um percurso de cerca de três metros.

A perícia técnica também esteve no local. O corpo do empresário foi levado para Instituto Médico Legal e depois liberado para velório que começou às 8h dessa segunda-feira (19) no Velório São Vicente. O enterro aconteceu no Cemitério Municipal de Assis.

#MAIS LIDAS DA SEMANA