Fabiana Martins, de 16 anos (Foto: Reprodução)

Os dois homens acusados de matar uma adolescente de 16 anos em Assis (SP) há três anos estão sendo julgados em Tribunal do Júri nesta quarta-feira (26). O corpo de Fabiana Martins, foi encontrado em uma estrada rural no dia 23 de julho de 2018 parcialmente carbonizado.

Quatro pessoas chegaram a ser presas por participação no crime, mas duas foram soltas por falta de provas. O caso segue em segredo de Justiça e os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

Os dois acusados são um amigo da vítima e um mototaxista que teria levado Fabiana até o local do crime.

Os homens são julgados pelo crime de homicídio qualificado. O julgamento começou às 9h no Fórum de Assis, e 13 testemunhas do caso devem ser ouvidas.

Segundo as investigações realizadas na época, o crime teve motivação passional, um dos réus era namorado de outro amigo de Fabiana e teria ciúmes da relação de amizade dos dois, e também teria sido premeditado.

A jovem foi agredida e estrangulada, depois teve partes do corpo queimadas. Um frasco de querosene foi encontrado no local. A vítima foi identificada pelo padrasto por meio de uma tatuagem no braço e uma pulseira.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Caminhoneiro fica ferido após tombar carreta na região

Após teste, foi constatado que o motorista dirigia embriagado.

Homem é multado em R$ 42 mil por galos usados para rinha

Polícia encontrou 14 animais mutilados e presos em local sujo e apertado.

Homem encontrado morto na ‘Lagoa do Sapo’ é sepultado

Foi sepultado na manhã de sábado, dia 16, no cemitério municipal de…