Sessão extraordinária tem duração de quase seis horas na sexta

A sessão aconteceu atendendo solicitação do Poder Executivo para votação de dois projetos não finalizados na legislatura passada

Camarguinho – Presidente da Câmara de Assis

A Sessão Extraordinária convocada pelo presidente da Câmara Municipal de Assis Eduardo de Camargo Neto, na última sexta-feira teve início ás 17h30 e terminou por volta das 23h30 com duração de quase seis horas. A sessão aconteceu atendendo solicitação do Poder Executivo para votação de dois projetos não finalizados na legislatura passada: Doação de Área ao Sest/Senat – aprovado por unanimidade e Concessão de Área para uso da Aprumar – aprovado com voto de desempate pelo presidente Camarguinho.

Desde o início da sessão os vereadores se mostraram entusiasmados com a possibilidade de resolução de dois importantes projetos que ficaram pendentes e que poderiam ser perdidos por causa de prazo. “Nunca a câmara foi tão coesa, tão inflamada e detalhista discutindo assuntos tão relevantes para o nosso município, sem distinção de partidos e sim pensando no bem comum da cidade; resultado excelente para o primeiro trabalho dos vereadores nesta legislatura que comecei presidindo com muito orgulho”, disse Camarguinho presidente da Câmara.

“Nos dois mandatos que já participei, nunca presenciei uma sessão como esta, é pra entrar pra história, questionamentos, discussões sem agressões, participação popular, avaliação de pareceres, foi realmente inesquecível a primeira sessão de 2013”, ressaltou Reinaldo Nunes, Português.

Houve participação de um representante do Sest/Senat que sabatinado tirou todas as dúvidas dos vereadores antes da votação. Houve também a participação de um representante da Aprumar para o mesmo motivo e até o uso da tribuna por uma cidadã assisense que protestava contra um dos projetos. “Totalmente democrática, amplamente discutida e exaustivamente estudada, agora inclusive com pareceres das comissões, o que nunca acontecia. Foi assim a sessão de hoje, estamos felizes pois tivemos pontos em comuns e contra e vamos nos conhecendo, discutindo e avaliando sempre o que é melhor para a comunidade” acrescentou o vereador Timba, vice-presidente da mesa.

A próxima sessão, a primeira ordinária depois do recesso acontece em 04 de fevereiro, enquanto isso os vereadores trabalham em suas comissões permanentes e levantam problemas na cidade através de visitas e encontros com a comunidade. As sessões são transmitidas pelo site e também pela TV CABO de Assis.

#MAIS LIDAS DA SEMANA