Camarguinho deve sancionar Lei do Nepotismo nesta quarta-feira

A Lei do Nepotismo proíbe a contratação de parentes de até quarto grau. Prefeito não sancionou e não vetou a lei dentro do prazo estipulado.

O Presidente da Câmara Municipal de Assis, Camarguinho, deve sansionar a lei do Nepotismo nesta quarta

Um assunto que tem se mostrado um tanto quanto polêmico foi a criação da “Lei do Nepotismo” que muda do terceiro para o quarto grau a proibição de contratação de parentes pela municipalidade.

No dia 16 de setembro, a lei foi aprovada por unanimidade na sessão da Câmara e posteriormente foi encaminhada ao Prefeito Ricardo Pinheiro, que deveria sancionar ou vetar.

Passado o prazo estipulado, que foi até o dia 11 de outubro, o prefeito não se manifestou. A equipe de reportagem do AssisNews, apurou informações de que nesta quarta-feira (16) o presidente da Câmara, Eduardo de Camargo Neto (Camarguinho), deve sancionar a Lei, que trará mais transparência à administração assisense.

Transparência essa que o prefeito, enquanto vereador, cobrava e inclusive foi o autor do projeto de lei da “Ficha limpa”. Na aprovação do projeto de lei o então vereador teria comemorado a decisão dos vereadores e dito na tribuna prezava pela moralidade. “Quero deixar bem claro que tratam-se de crimes específicos que prezam pela moralidade e probidade administrativa da administração pública direta e indireta ” , afirmou.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA