11 dos 13 projetos foram aprovados pelos vereadores na última sessão

A sessão ordinária realizada na última segunda-feira, dia 17 de novembro, durou mais de seis horas e terminou depois da meia-noite.

A sessão durou mais de seis horas e terminou depois da meia-noite. Mesa Diretora 2014 (foto: Divulgação)

A maioria dos projetos de lei apresentados na sessão ordinária desta segunda-feira, dia 17 de novembro, foram aprovados pelos vereadores, depois de longa discussão e debate. “A sessão teve duração de mais de seis horas, terminando já na madrugada de terça-feira, mas foi bastante produtiva, além das discussões e debates durante a Pauta das Proposituras: Requerimentos, Moções e Indicações, ma Ordem do Dia os vereadores adiaram apenas dois projetos: um do vereador Professor Thiago, sobre o logotipo da cidade e outro da Mesa Diretora da Câmara sobre uma pretendida mudança em artigo do regimento”, esclarece Paulo Mattioli Junior, presidente da casa.

Entre os projetos aprovados está a “autorização para contratação de convênio com o Desenvolve SP, sobre a acessibilidade em Assis”, além do projeto que “institui no município o Estatuto da Microempresa”, e ainda o projeto de abertura de crédito no valor superior a hum milhão de reais para pagamentos de diversos setores, incluindo: Atividade Delegada, CIVAP, Imprensa entre outros.

Os vereadores aprovaram ainda mais quatro projetos de liberação de recursos para a Secretaria Municipal da Educação, especialmente para a Educação Infantil, no valor aproximado de R$ 1.200,00 (hum milhão e duzentos mil reais). Os outros dois projetos aprovados são: do vereador Arlindo do Raio X e Alexandre Cachorrão sobre a colocação de cartazes em hospitais, postos de saúde, farmácia etc… com os dizeres “Para um diagnóstico preventivo, faça o exame de próstata” e ainda do vereador Reinaldo Nunes para colocação de “Tabela de Preços” para os serviços pelos cemitérios da cidade.

#MAIS LIDAS DA SEMANA