PF investiga José Serra sobre suposto caixa 2 na campanha de 2014

Um dos alvos de mandados de prisão é o fundador e ex-presidente da Qualicorp. Investigações apontam que senador recebeu R$ 5 milhões em doações não contabilizadas. Assessoria de Serra não atendeu às ligações.

O senador José Serra (PSDB-SP) discursa no plenário do Senado Federal — Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O senador José Serra (PSDB-SP) discursa no plenário do Senado Federal — Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (21) uma operação que investiga suposto caixa 2 na campanha de José Serra (PSDB) ao Senado em 2014.

As investigações apontam que ele recebeu R$ 5 milhões em doações não contabilizadas feitas a mando do empresário José Serpieri Júnior, da Qualicorp, alvo de mandado de prisão.

A operação, que foi denominada Paralelo 23, é uma nova fase da Lava Jato que apura crimes eleitorais e é feita em conjunto com o Ministério Público Eleitoral (MPE). As apurações se restringem a fatos de 2014, quando Serra ainda não tinha o mandato de senador.

Saiba mais acessando a matéria completa no site parceiro R15 Notícias.

#MAIS LIDAS DA SEMANA