Os buracos estão espalhados pela pista (Foto: Assessoria)

O Presidente da Câmara, Edélcio Francisco Silvério mostrou-se indignado após acidente ocorrido no fim da tarde do último dia 18, ocasionado pela situação em que se encontra a Rodovia Miguel Jubran.

A Rodovia Miguel Jubran vem recebendo várias reclamações dos motoristas, no trecho que liga Assis a Tarumã, devido a grande quantidade de buracos no asfalto, que fazem com que os motoristas, para evitar danos nos veículos, desviem dos buracos com manobras arriscadas, causando assim, acidentes.

A rodovia é umas das ligações do estado de São Paulo ao Paraná e tem grande fluxo de caminhões. Os buracos estão espalhados pela pista e, em alguns trechos, não e possível nem desviar porque as falhas no asfalto estão por toda parte.

O Presidente da Câmara Edélcio Francisco Silvério mostrou sua indignação com o descaso do governo em relação a este trecho da rodovia. Ele diz que este acidente é uma consequência da má situação em que se encontra o asfalto.

Na terça-feira, 18, um acidente foi registrado na rodovia (Foto: Assessoria)

Edélcio afirma que já esteve em São Paulo conversando com o Dirigente do DER, a audiência na Secretaria de Logística e Transportes – Departamento de Estradas e Rodagem DER aconteceu no dia 15 de maio e foi solicitado ao Superintendente Clodoaldo Pelissioni mais agilidade na licitação para o recapeamento da rodovia Miguel Jubran, SP-333 que liga Assis á Tarumã.

“Estou indignado com a demora, pois a população terá que esperar até setembro; a obra já foi solicitada, só falta sair do papel”, ressalta o Presidente da Câmara.

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Homem que possui esquizofrenia mata mãe a facadas

Vítima foi encontrada deitada na cama, com duas perfurações no peito.

Casal e criança ficam gravemente feridos após colisão entre veículos em Pompeia

Vítimas ficaram presas às ferragens.

Cadela sai ilesa após cair em barranco com 50 metros de profundidade e mobilizar resgate

Resgate começou às 8h e foi finalizado pouco depois das 17h.

Homem mata ex-mulher com mais de 10 facadas

Segundo o registro policial, ela morreu a caminho da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).