Atendente da Sabesp descobre paradeiro de família de cliente

Simone ficou sensibilizada com a história de Maria das Graças e, por meio da internet e listas telefônicas, encontrou os seus familiares.

Simone de Souza (na foto, de vestido colorido) com a cliente Maria das Graças (Foto: Sabesp)

Solidariedade. Este é o sentimento que levou Simone Viana Avelar de Souza, funcionária da Agência de Atendimento da Sabesp em Presidente Prudente, a tentar descobrir o paradeiro da família de uma cliente, Maria das Graças Rodrigues, sem contato com os parentes há 41 anos.

Tudo começou na agência de atendimento, durante o cadastramento na tarifa social da Sabesp, quando a cliente Maria das Graças comentou com a funcionária Simone sobre seu sonho de reencontrar a família, da qual não tinha notícias desde que saiu de Minas Gerais, em 1972, em busca de uma vida melhor. Além de não ter conseguido atingir seus objetivos, Maria das Graças sofreu com o abandono e com a violência de São Paulo, e não teve como voltar à terra natal.

“Maria tinha 16 anos na época, queria ajudar a família, mas as coisas não deram certo. Passou por muitas dificuldades e não tinha como voltar para casa. Nesse tempo, a família se mudou e ela perdeu o contato”, diz a atendente da Sabesp.

Simone conta que se sensibilizou com a história de vida difícil de Maria das Graças e, por meio da internet e listas telefônicas, se empenhou para achar os seus familiares.

E conseguiu. Três dias após a conversa na Sabesp, ela entrou em contato com a cliente, avisando que havia encontrado seus parentes em Almenara, cidade no interior de Minas Gerais: “Foi muito emocionante. A irmã de Maria, que atendeu ao meu telefonema, achava que ela tivesse morrido, pois foram 41 anos sem notícias. Além disso, a mãe delas recebeu a notícia do paradeiro da filha na semana do seu aniversário de 80 anos”.

Mais ajuda
A partir da divulgação da história na Sabesp, funcionários se mobilizaram em uma campanha para levantar recursos para a viagem da cliente até a cidade em que a família reside, no norte de Minas Gerais.

#MAIS LIDAS DA SEMANA