Em Maracaí, Alckmin participa da 36a festa do Menino da Tábua

Governador afirmou que a cidade deve se tornar uma estância turístico-religiosa

Ainda em Maracaí, Alckmin disse que vai liberar verba para a Santa Casa do município (Foto: Milton Michida)

O governador Geraldo Alckmin participou neste domingo da 36a festa do Menino da Tábua, realizada no município de Maracaí, distante 473 Km da capital paulista. A festa, realizada anualmente, é uma homenagem a Antônio Marcelino, cuja doença de nascença impedia seu desenvolvimento físico.

Acredita-se que o menino tenha realizado milagres ainda em vida, o que faz com que a capela construída para ele dentro do cemitério do município receba milhares de visitantes todos os anos. Nesta edição, o evento deve levar 40 mil pessoas à cidade.

Alckmin afirmou que vai celebrar convênios com o município para melhorar a infraestrutura da cidade e melhorar a receptividade dos romeiros. “Nós vamos fazer convênios com o munícipio para restaurar o cemitério onde está a capela do Menino da Tábua. Arrumar os sanitários, para melhor recebimento e hospitalidade, o sistema viário da cidade e os asfaltos”, garantiu.

O governador disse ainda que a cidade deve se tornar um município turístico-religioso. “Eu sou médico. Onde termina a ciência começa a fé. O Menino da Tábua vai ser um forte intercessor para ajudar todos nós a caminhar superando nossos sacrifícios”. Ainda em Maracaí, Alckmin disse que vai liberar verba para a Santa Casa do município.

#MAIS LIDAS DA SEMANA