Empresário é preso após mostrar pênis em rede social para garotinha de 11 anos

Mulher se passa por filha e ajuda polícia a prender suspeito de pedofilia. Mãe foi orientada pela polícia a marcar encontro com o suspeito.

PM foi à casa do suspeito e apreendeu aparelhos
eletrônicos (Foto: Nelson Minucci/Repórter na Rua)

Um empresário de 27 anos foi preso em flagrante na noite de quarta-feira (20), suspeito de pedofilia, em Ourinhos. De acordo com informações da polícia, o homem foi identificado após uma conversa com uma menina de 11 anos por uma rede social.

Durante a conversa, o suspeito mentiu a idade alegando ter 17 anos e começou a dizer que queria se relacionar com a menor. Após ela ter se negado a continuar a falar, segundo a polícia, o homem mandou fotos nuas dele para a menina, que fechou a página e chamou a mãe em seguida.

Ainda conforme as investigações, a mulher começou a conversar com o homem na intenção de descobrir a identidade dele. Ela procurou a polícia e foi orientada a marcar um encontro com o suspeito, que foi até o local e acabou preso em flagrante. Toda a conversa foi registrada e entregue à polícia.

No celular e no computador do suspeito, o delegado responsável pelo caso afirmou que foram encontradas diversas fotos e vídeos de crianças e adolescentes.

Foi estipulada uma fiança de R$ 15 mil, mas o empresário não pagou e foi encaminhado para a Cadeia de São Pedro do Turvo (SP).

Fotos e vídeos de crianças foram encontrados no computador do suspeito (Foto: Nelson Minucci/Repórter na Rua)

#MAIS LIDAS DA SEMANA