Novilha ficou presa no portão de um sítio de Osvaldo Cruz (Foto: Cedida/Corpo de Bombeiros)
Novilha ficou presa no portão de um sítio de Osvaldo Cruz (Foto: Cedida/Corpo de Bombeiros)

O Corpo de Bombeiros “resgatou” uma novilha que ficou presa no portão de um sítio, em Osvaldo Cruz, na tarde desta terça-feira (23). A corporação foi acionada por volta das 13h por um vizinho da propriedade rural e todo trabalho levou cerca de 30 minutos.

Conforme os bombeiros, o animal tentou pular o portão e acabou enganchando a pata traseira em umas das lanças de ferro, ficando com parte do corpo pendurado e a outra metade no chão.

Para retirar a novilha, que já “estava bem cansada”, os bombeiros amarram cordas e cortaram as dobradiças do portão, pois o “peso do animal estava dificultando retirar os parafusos”.

A pata da novilha chegou a ser perfurada pela lança, porém, não foi um corte profundo. Assim que o bovino foi colocado totalmente no chão, a corporação relata que ele “se levantou sozinho e saiu correndo pelo pasto”.

Como o animal não estava sangrando muito, o Corpo de Bombeiros orientou para que o proprietário solicitasse os serviços de um veterinário e não houve necessidade de acionar um profissional da Prefeitura.

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Briga entre ex e atual namorada de jovem termina com adolescente esfaqueada

Suspeita da agressão acompanhava o namorado, que foi à casa da ex, para buscar o seu filho.

Confusão em festa junina termina com homem preso após atropelar grupo

Jovem de 20 anos avançou com carro sobre grupo e atingiu cerca de 5 pessoas.

Adolescente de 12 anos morre em queda de penhasco em Marília

Menino caiu de aproximadamente 50 metros.

Fiscalização policial apreende quase 313 kg de maconha que estavam dentro de pneus de caminhão

Indivíduo foi apresentado na Delegacia da Polícia Federal de Presidente Prudente.