Marília confirma primeira morte por H1N1 em 2016

Vítima é uma mulher, moradora da cidade e que tinha 45 anos.
Prefeitura confirmou a causa da morte na quarta-feira (27).

A Faculdade de Medicina de Marília (Famema) divulgou na quarta-feira (27) e a prefeitura confirmou a primeira morte na cidade causada pela gripe H1N1.

Segundo informações da Famema, a vítima é uma mulher, que morava na cidade e tinha 45 anos. Este é o primeiro caso da doença na cidade.

Ainda segundo balanço da prefeitura, nesse ano foram registrados 75 casos suspeitos. Nove pessoas permanecem internadas nas unidades hospitalares.

Já de acordo com a Famema nove pacientes suspeitos morreram até agora, mas só a mulher teve a confirmação do vírus.

Hospital das Clínicas de Marília (Foto: Reprodução
Hospital das Clínicas de Marília (Foto: Reprodução

#MAIS LIDAS DA SEMANA