Com preço baixo, produtores jogam mais de 30 mil caixas de pimentão

Aumento da plantação em Santa Cruz do Rio Pardo fez preço cair.
Queda do preço fez com que venda para atacadistas não compensasse.

Caixas de pimentão são jogadas (Foto: Reprodução/TV TEM)
Caixas de pimentão são jogadas (Foto: Reprodução/TV TEM)

Produtores rurais da Região de Santa Cruz do Rio Pardo (SP) jogaram fora mais de 30 mil caixas de pimentão. Eles dizem que o preço caiu tanto, que é melhor descartar do que vender aos atacadistas.

O produtor Natanael Serra de Souza já perdeu as contas de quantos carrinhos da hortaliça teve que descartar. Nas nove estufas ele esperava ter colhido mil caixas, só que o preço não ajudou, está na casa dos R$ 2 a caixa de 10 quilos. Para não ter prejuízo a expectativa era vender por menos de R$ 20.

“A gente resolveu jogar porque está muito caro produzir. Não compensa colher, pagar funcionário. Tive que jogar, é melhor assim do que mandar para São Paulo”, afirma o produtor.

Só na região de Santa Cruz do Rio Pardo, que tem mais de 150 produtores, foram jogadas 30 mil caixas de pimentão. “A gente espera que o preço volte ao normal”, diz Natanael.

Segundo o agrônomo Leandro Boucher da Associação de Produtores, o aumento da área plantada em 30% fez crescer a produção e então começou a sobrar mercadoria. Com isso, o preço caiu. “Tem o fator climático, que foi muito favorável neste fim de ano. A temperatura foi mais elevada, mais chuvoso e isso auxilia bastante.”

Apesar da situação complicada, o produtor rural Vander Renato Giacon não perdeu a esperança. Ele está mantendo os pimentões nos pés e irrigando pra que eles permaneçam vivos e assim, se o preço reagir, seja possível colher o mínimo e diminuir o prejuízo. Ao todo ele tem nove estufas trabalhando assim. “Esperança de subir alguma coisa e eu ter o que colher.”

Na outra ponta dessa história o consumidor que comemora a queda no preço do pimentão de até 50% em média, nas três qualidades. Tanto no vermelho como no amarelo e também no verde, que de R$ 3,60 já pode ser encontrado por R$ 0,99 o quilo.

O desperdício de pimentão só não é maior porque os produtores acabam doando para o pessoal que mora perto das propriedades.

#MAIS LIDAS DA SEMANA