Festa do Menino da Tábua leva milhares de fieis para Maracaí

Evento religioso aconteceu no último final de semana.

Festa do Menino da Tábua leva milhares de fieis para Maracaí (Foto: Manoel Moreno)

Nos dias 24 e 25 de agosto, a tradicional peregrinação a Maracaí chegou a sua 42ª edição. A cidade, que de acordo com o último CENSO do IBGE tem quase 14 mil habitantes, está cada vez mais preparada para receber aproximadamente o triplo deste número de pessoas na Festa do Menino da Tábua, principalmente nos últimos anos.

O comércio local, que recebe visitantes durante todo o ano, se intensifica, e próximo ao cemitério tendas são montadas e toda a estrutura para venda de alimentos e dos mais diversos produtos durante os dois dias da Festa. O Cemitério Municipal, onde Antonio Marcelino está sepultado e no qual fica a Capela do Menino da Tábua e a Sala dos Milagres, hoje tem um portal, banheiros que atendem a 40 pessoas simultaneamente e com acessibilidade, cruzeiro, fonte, toda uma infraestrutura que oferece conforto aos visitantes.

A Igreja Católica faz um calendário especial durante o evento com mais missas para os romeiros católicos do evento, e a entrada da cidade próxima ao cemitério foi reestruturada para receber as centenas de ônibus que não precisam passar pelas ruas do acesso principal da cidade e tem um amplo espaço próximo ao local para estacionar.

A população da cidade acolhe os visitantes dando suporte e informações a quem visita Maracaí. Além disso, cerca de 600 pessoas trabalham dando apoio aos visitantes. Equipes da comissão organizadora da Festa do Menino da Tábua, Secretaria de Promoção e Assistência Social e SASSOM, Igreja Católica, atendimento médico no local, equipe de segurança, apoio de mais de 100 policiais militares, da concessionária da rodovia Raposo Tavares, CART, Polícia Rodoviária, brigadistas, bombeiros e Tiro de Guerra são alguns dos parceiros da Prefeitura Municipal na recepção.

Os motivos das visitas variam. A fé na intercessão de Antonio Marcelino, o Menino da Tábua, pagar uma promessa, fazer um pedido, conhecer a história do milagreiro e da cidade cantada nas músicas da dupla sertaneja Pardinho e Pardal.

Festa do Menino da Tábua leva milhares de fieis para Maracaí (Foto: Manoel Moreno)

O MENINO DA TÁBUA

Conhecido como o Menino da Tábua, Antônio Marcelino é uma personalidade religiosa de devoção popular brasileira que faleceu na cidade de Maracaí – SP. Vítima de uma doença que o impedia de andar e restringia seu crescimento, passou a maior parte da sua vida deitado sobre uma tábua. Segundo relatos de pessoas que conheceram Marcelino antes que este falecesse, em 1945, ele consumia apenas leite e água, não gostava de usar roupas e não deixava que forrassem sua tábua. Também se diz que nunca saía de casa e jamais viu a luz do sol.

Ainda em vida acreditava-se que o Menino da Tábua teria realizado vários milagres, como a cura de pessoas e animais doentes, e graças foram alcançadas por sua misteriosa intercessão. Antônio Marcelino faleceu no ano de 1945 e foi enterrado junto com sua tábua. Parte da popularidade alcançada pelo milagreiro se deve às canções gravadas pela dupla sertaneja Pardinho & Pardal. Em 1978 eles gravaram a música “O Menino de Tábua”, a primeira de uma trilogia que ainda teria outras duas canções: “Os Milagres do Menino da Tábua” e “A Capela do Menino da Tábua”.

#MAIS LIDAS DA SEMANA