Palmitalense de 33 anos morre depois de contrair Covid-19 em MS

Pamella Payão de 33 anos morre depois de contrair Covid-19 em MS (Foto: Arquivo Pessoal)

A palmitalense Pamella Payão, de 33 anos, morreu na tarde de quarta-feira (30) em Campo Grande (MS) vítima de coronavírus. Ela trabalhava como vendedora em uma loja de colchões e residia na capital sul-mato-grossense havia mais de uma década.

Pamella, que é filha do produtor rural Sílvio Payão, começou a passar mal durante o final de semana quando estava na rua e foi hospitalizada com baixa saturação de oxigênio no sangue. Ela foi encaminhada para a UTI e entubada.

A vendedora, que nasceu, estudou e passou a adolescência e parte da juventude em Palmital, foi a óbito por volta das 16 horas de quarta-feira. Familiares informaram que ela teve o diagnóstico confirmado de covid e era portadora de doenças crônicas, como hipertensão e diabetes.

Pamella era solteira e não tinha filhos. Ela foi sepultada em Campo Grande na tarde desta quinta-feira, no mesmo túmulo em que está sua mãe, a professora Rosemary Peixoto Payão, vítima de um acidente automobilístico no município de Nova Andradina (MS) ocorrido em janeiro de 2012.

#MAIS LIDAS DA SEMANA