Foto: (Rede Sociais)

O motorista do caminhão, que invadiu a pista contrária e colidiu frontalmente com um ônibus da empresa Andorinha, resultando em uma morte e nove pessoas feridas, foi preso em flagrante pela Polícia Militar Rodoviária.

De acordo com exame realizado na Central de Polícia Judiciária de Assis, o motorista de 23 anos de idade, residente em Tatuí, apresentava sinais de embriagues. Ele também não possui carteira de habilitação para conduzir o tipo de veículo que viajava.

Segundo a Polícia Rodoviária, momentos antes do acidente, alguns motoristas denunciaram um caminhão Ford Cargo, placas de Tatuí, trafegando em ‘zigue-zague’ na rodovia Raposo Tavares.

Pouco antes das 20 horas desta quarta-feira, o caminhão Ford Cargo, na contra mão de direção, bateu de frente com o ônibus da empresa Andorinha, que trafegava no sentido capital-interior.

O acidente ocorreu no km 399 da Raposo Tavares, no município de Ibirarema.

O motorista do ônibus, um homem de 47 anos, morador de Santo Anastácio, morreu no local do acidente. O corpo da vítima foi removido ao Instituto Médico Legal de Assis para a realização de exame necroscópico.

Nove passageiros do ônibus, com ferimentos considerados moderados e de natureza leve, foram socorridos e encaminhados para unidades de saúde de Ourinhos e Assis.

A Polícia Rodoviária sinalizou a pista, enquanto viaturas de resgate do Corpo de Bombeiros e da CART -concessionária que administra a rodovia- socorreram as vítimas.

Preso em flagrante, o motorista do caminhão foi conduzido à Central de Polícia Judiciária de Assis, onde a ocorrência foi registrada.

O rapaz, de 23 anos, levado para uma cadeia da região, aguardará audiência na Justiça. Ele deverá responder pelos crimes de homicídio e lesão corporal.

*JSOL

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Homem é multado em R$ 42 mil por galos usados para rinha

Polícia encontrou 14 animais mutilados e presos em local sujo e apertado.

Suspeito de participar de roubo de caminhonete de luxo é morto a tiros

Rapaz, de 23 anos, foi atingido pelos disparos quando tentava fugir.

Tamanduá-bandeira com sinais de atropelamento é resgatado pela Polícia Ambiental

Animal estava caído às margens da Rodovia General Euclides de Oliveira Figueiredo (SP-563), nas proximidades do Parque Estadual do Rio do Peixe, em Dracena (SP).