Pensão de Suri é de US$ 400 mil por ano, segundo papéis do divórcio

O acordo do divórcio estabelece que Cruise terá que pagar US$ 400 mil (R$ 800 mil) por ano para a filha deles, Suri, 6, até que ela complete 18 anos.

Tom Cruise leva Suri no colo em passeio por Tribeca, Nova York
Tom Cruise leva Suri no colo em passeio por Tribeca, Nova York

Quando Katie Holmes, 33, deu entrada com o pedido de divórcio de Tom Cruise, 50, em 29 de junho passado, o casal já estava seis meses separado.

De acordo com documentos do divórcio, o casamento estava “terminado mesmo” no semestre que antecedeu a entrada do pedido na corte suprema do Estado de Nova York.

Outros detalhes da união de Katie e Cruise vieram à tona graças aos documentos.

Apesar de a cerimônia de casamento ter ocorrido na Itália em 18 de novembro de 2006, eles já estavam casados há sete dias, em um cartório de Los Angeles. O acordo pré-nupcial foi assinado pela atriz meses antes.

O acordo do divórcio estabelece que Cruise terá que pagar US$ 400 mil (R$ 800 mil) por ano para a filha deles, Suri, 6, até que ela complete 18 anos. Isso dá R$ 67 mil por mês.

Se Cruise deixar de pagar, ele pode ir para prisão, o que não deve acontecer, já que ele tem um fortuna estimada em US$ 270 milhões e é o ator mais bem pago de Hollywood, segundo a revista “Forbes”. Katie teria fortuna pessoal de US$ 25 milhões.

Suri entrou há um mês para a escola Avenues –a mais nova escola privada de Nova York, que tem aula de mandarin no primeiro ano.

Cruise teria ficado arrasado por ter que se distanciar da filha, mas ele fez questão de incluir no acordo proximidade com ela.

“Ele ama Suri e é uma presença constante na vida dela. Antes, quando ele filmava no exterior, ele contava com telefonemas diários”, disse o advogado do ator, Bert Fields, para o canal E!.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA