Fique conectado

Famosos

Filho de Luciano Huck volta a praticar wakeboard após acidente

Publicado em

973

Filho de Luciano Huck volta a praticar wakeboard após acidente
Filho de Luciano Huck volta a praticar wakeboard após acidente

Luciano Huck publicou nesta sexta-feira (26), uma foto de seu filho, Benício Huck, de 11 anos, um mês após ele sofreu traumatismo cranioencefálico enquanto praticava wakeboard.

O apresentador aproveita as férias com a família em Argolis, na Grécia. Ele mostrou o garoto equipado para voltar ao esporte, mas com capacete desta vez.

“Muito gratos, abençoados e felizes. Beni está de volta ao mar. Mas agora ele com seu inseparável capacete”, escreveu o pai.

“A linha que separa a felicidade do caos é muito tênue. Por isso vamos reforçar cada vez mais . Insistam que seus filhos usem capacete nas atividades de lazer: bicicleta, skate, patinete, surf, wakeboad, esqui, carrinho de rolimã e por aí vai”, completou.

A criança recebeu alta do hospital Copa Star, no Rio de Janeiro, em 25 de junho. De acordo com o boletim médico, o garoto apresentou uma “excelente recuperação clínica”.

Entretenimento

Humorista Evandro Santo pede R$ 60 mil de indenização por agressão em Marília

Agressão teria ocorrido após uma apresentação na cidade. No processo, advogados do comediante pedem indenização por danos morais ao agressor e o pai dele.

Publicado em

Do G1
Evandro Santo, ex-Pânico, registrou boletim de ocorrência por agressão em show realizado em Marília — Foto: Facebook/Reprodução

Evandro Santo, ex-Pânico, registrou boletim de ocorrência por agressão em show realizado em Marília — Foto: Facebook/Reprodução

O humorista Evandro Santo entrou com uma ação na Justiça com pedido de indenização por danos morais no valor de R$ 60 mil pela agressão que teria sofrido em outubro deste ano, após uma apresentação em Marília (SP).

Na ação, os advogados do comediante pedem que o suspeito da agressão, que teria dado um soco no rosto de Evandro e o pai dele, que teria incentivado a agressão, paguem R$ 30 mil cada de indenização por danos morais.

“Trata-se de ação de indenização por dano moral decorrente de homofobia, consistente em um soco na região da boca e do nariz, cometida pelo primeiro requerido, incentivado por seu genitor, segundo requerido, contra o autor, figura pública”, consta na denúncia.

Após ser agredido em Marília, Evandro Santo, ex-Pânico, registra B.O por lesão corporal e homofobia — Foto: Lucas Alves/Divulgação

Após ser agredido em Marília, Evandro Santo, ex-Pânico, registra B.O por lesão corporal e homofobia — Foto: Lucas Alves/Divulgação

No processo, os advogados também reforçam que a indenização não visa reparar a dor do episódio sofrido por Evandro, mas obter um valor que amenize o sofrimento provocado.

A ação foi ingressada na Justiça na tarde de terça-feira (26) e distribuída na 11ª Vara Cível em São Paulo e será julgada pela juíza Gisele Valle Monteiro da Rocha.

Entenda o caso
Evandro Santo, ator conhecido pelo seu personagem Christian Pior, postou uma foto com o rosto inchado nas redes sociais, em outubro deste ano, e relatou ter sido vítima de homofobia após um show de comédia que apresentou em uma casa noturna de Marília.

“Esta não é uma foto bonita e nem legal. Esta foto mostra o quanto devemos ter cuidado com pessoas com aparência “normal”, porque o ódio e a homofobia não tem cara.”

O agressor teria participado, minutos antes, de um quadro do show onde ganhou um selinho do humorista. Um vídeo divulgado pela assessoria de Evandro mostra o momento do “beijo” e os aplausos da plateia.

“Ele super aceitou bem, fez o Tinder, ganhou um selinho meu, deu risada assim como a moça ganhou um meu e deu risada. Saiu do palco de boa”, escreveu o ator na época.

No entanto, depois que o show acabou, o ator conta que foi surpreendido ao sair do banheiro e levou um soco no rosto, do rapaz que havia participado do show. Além disso, o comediante disse que foi chamado de “viado”.

Por causa disso, a assessoria informou que o artista foi até a delegacia de Marília para registrar um boletim de ocorrência, mas recebeu a notícia de que teria que esperar quatro horas.

Assim, ainda segundo a assessoria, como o ator tinha compromissos em São Paulo, decidiu não aguardar e fazer o BO na capital, além de processar os envolvidos por homofobia e danos morais.

O boletim de ocorrência registrado em São Paulo, na Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância), ligada ao Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), relata os crimes de lesão corporal e homofobia, situação que passou a ser criminalizada com base na lei de racismo por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

Continue lendo

Entretenimento

Morre o humorista Rapadura, do programa A Praça é Nossa

Charles Guttenberg estava internado na UTI de um hospital de São Paulo.

Publicado em

Do Metrópoles
REPRODUÇÃO

O humorista Charles Guttenberg, conhecido como Rapadura, morreu na tarde desta terça-feira (26/11/2019) em um hospital de Jundiaí, no interior de São Paulo. Famoso por participar do programa A Praça é Nossa, no SBT, o artista estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com o programa Tricotando, da RedeTV”, Rapadura passou por uma operação no intestino, mas teve complicações e chegou a óbito. O motivo pelo qual o artista estava internado não foi informado.

Pelas redes sociais, o sobrinho do humorista, Alisson Bruno, publicou uma mensagem de luto. “Acabei de perder meu tio. Para sempre vou te amar”, escreveu.

Marcelo Beny, conhecido como Bananinha e companheiro artístico de Rapadura, também lamentou a morte. “Com muita tristeza que comunico o falecimento de um parceiro que trabalhou por muito anos lado a lado”, disse.

Rapadura estreou no programa de humor do SBT em 2004 com Dedé Santana. Logo em seguida, a dupla ocupou os domingos da emissora com o Dedé e o Comando Maluco.

Continue lendo

Entretenimento

Corpo de Gugu é liberado de instituto médico e vai para funerária

O apresentador morreu aos 60 anos, após sofrer acidente doméstico em Orlando, nos Estados Unidos.

Publicado em

Do Metrópoles
TV REPRODUÇĀO
TV REPRODUÇĀO

Em comunicado divulgado nesta segunda-feira (25), a assessoria de imprensa de Gugu Liberato passou novas informações sobre o velório e o sepultamento do apresentador, que morreu aos 60 anos, após sofrer acidente doméstico em Orlando, Estados Unidos.

Segundo a assessoria do comunicador, o corpo de Gugu Liberato foi liberado do instituto responsável por necropsias e laudos – o equivalente ao Instituto Médico Legal (IML) do Brasil. Agora, a família aguarda transferência para a funerária.

O documento emitido pela instituição foi assinado por João Augusto Liberato, o filho mais velho de Gugu, na noite desse domingo (24). O próximo passo, de acordo com a nota, é a funerária retirar o corpo, ação prevista para as próximas horas.

Em seguida, o corpo será preparado para o translado até o Brasil. No entanto, a chegada ao país segue sem data oficial – a expectativa é de que tudo ocorra até a próxima quinta-feira (28).

O velório acontecerá na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) e será aberto ao público, para que todos possam se despedir de Gugu. O apresentador será sepultado no jazigo da família no Cemitério do Morumbi, em São Paulo.

Morte Gugu

Gugu Liberato, uma das mais importantes figuras da televisão brasileira, morreu aos 60 anos, após sofrer acidente doméstico. O apresentador caiu de uma altura de quatro metros ao tentar consertar um aparelho de ar-condicionado, na residência de Orlando, nos Estados Unidos.

Encaminhado a um hospital da cidade, ficou em observação por 48 horas. A morte cerebral foi confirmada pelo médico Guilherme Lepski, neurocirurgião brasileiro chamado pela família para ir aos EUA.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas