Fique conectado

Música

Andre Matos, cantor de Angra e Shaman, morre aos 47 anos

Informação foi publicada pelas bandas Shaman e Angra nas redes sociais e confirmada ao G1 pelo baixista Luís Mariutti. Causa da morte não foi divulgada.

Publicado em

256

O roqueiro André Matos durante show em carreira solo em 2014 — Foto: Reprodução/Facebook/André Matos

Morreu neste sábado (8) Andre Matos, fundador das bandas Viper, Angra e Shaman e um dos maiores vocalistas do metal brasileiro. A informação foi publicada pelas bandas em suas redes sociais e confirmada ao G1, por telefone, pelo baixista da banda Luís Mariutti.

“O destino nos uniu, nos separou, nos reuniu e agora pregou mais essa com a gente. É com profunda dor em nossos corações que nos despedimos do Andre mais uma vez, desta vez de forma definitiva”, diz o comunicado assinado pelos companheiros e equipe da banda Shaman, Hugo Mariutti, Luís Mariutti, Ricardo Confessori, Fábio Ribeiro e Rick Dallal.

Atualmente, eles estavam em turnê de reunião da banda, em que Matos tocou entre 2000 e 2006. O último show que fizeram foi no domingo (2) e o próximo seria em 13 de julho no interior de São Paulo.

Os músicos que seguem no Angra, banda que Matos fundou em 1991, também falaram sobre a morte nas redes sociais. “Com muita dor recebemos a notícia do falecimento do Andre Matos. O Angra está de luto”, diz a nota publicada na conta oficial do grupo.

A causa da morte ainda não foi divulgada e não há informações sobre o velório.

Um dos grandes nomes do heavy metal, Matos nasceu em São Paulo em setembro de 1971 e começou a estudar música quando era criança.

A primeira banda em que fundou foi a Viper, quando ainda era adolescente, entre os anos 1985 e 1990. No Rock in Rio de 2013, o cantor fez um show em conjunto com a banda.

A criação do Angra aconteceu ao lado de Rafael Bittencourt e André Linhares, na época amigos de faculdade, em 1991. Matos gravou os quatro primeiros CDs da banda: “Angels Cry”, “Freedom Call”, “Holy Land” e “Fireworks”.

Ele seguiu no Angra até 2000, quando fundou a Shaman com o baixista Luis Mariutti e o baterista Ricardo Confessori, músicos que também fizeram parte da banda anterior. Eles tocaram juntos até 2006, quando Matos decidiu seguir em carreira solo.

No ano passado, no entanto, a banda se reuniu para uma turnê comemorativa. Eles fizeram uma apresentação em São Paulo no dia 02 de junho e tinham outra programada para 13 de julho em Santa Cruz do Rio Pardo (SP).

Entretenimento

‘Desisto de entender o povo’, diz Anitta após críticas

Publicado em

Agência Estado
‘Desisto de entender o povo’, diz Anitta após críticas
‘Desisto de entender o povo’, diz Anitta após críticas

Um vídeo no qual Anitta posa para fotos com fãs viralizou no último fim de semana, quando internautas criticaram a cantora por estar com a “cara fechada” e supostamente receber os fãs de má vontade. Apesar dos comentários satirizando a situação, alguns perfis saíram em defesa da cantora, que também se pronunciou sobre o assunto.

“Aos que compartilham este vídeo: artistas ficam cansados. Tenham empatia. Apesar de toda a agenda, Anitta ainda assim parou para tirar fotos quando muito cansada (vemos a van de trabalho dela). Não é difícil olhar por outro ângulo, gente!”, dizia a publicação no perfil do Twitter de um portal de notícias sobre música.

Em resposta, Anitta expressou: “e tem alguém falando mal dessa situação onde eu tirei foto com dezenas de fãs que me esperavam no aeroporto às 6 da manhã depois de um show sem ter dormido ainda nem uma hora sequer? Se tiver aí, eu realmente desisto de entender o povo”.

Continue lendo

Famosos

Sertanejos ficam com ciúmes de Gusttavo Lima; entenda

Publicado em

Do RD1
Gusttavo Lima voltou para a Audiomix (Imagem: Reprodução / Instagram)

Gusttavo Lima voltou para a Audiomix (Imagem: Reprodução / Instagram)

O clima no mundo sertanejo não anda dos melhores ultimamente. Segundo a coluna de Fábia Oliveira, do jornal O Dia, o maior escritório de música sertaneja do Brasil, o Audiomix, está tendo o seu segundo lugar de preferência bem disputado.

O que acontece é que em primeiro lugar está Jorge e Mateus, e com eles, ninguém mexe. Entretanto, o pódio do segundo lugar está em luta.

Há algum tempo, Gusttavo Lima, que era cliente da casa, encerrou seu contrato para poder montar o seu próprio escritório, o Balada Eventos. Porém, na sequência, ele resolveu retornar para o Audiomix, deixando Matheus e Kauan incomodados.

Com o retorno do artista que faz sucesso com o Boteco do Gusttavo Lima, ele tem sido tratado como estrela. Já a dupla tem sido deixada como atração secundária nos shows. De acordo com a publicação, o status de Gusttavo está incomodado mais Matheus do que Kauan.

Gusttavo Lima dá cano em gravação de reality musical

Convidado para ser jurado do reality musical “O Próximo Nº 1 – VillaMix”, Gusttavo Lima não compareceu na gravação do programa. Segundo a coluna de Fábia Oliveira, do jornal “O Dia”, quem substituiu o sertanejo foi Marcos Araújo, empresário e um dos donos da Áudio Mix (que gerencia a carreira dos jurados).

A atração que estreou no último dia 30, é exibido no canal do Youtube VilaMix Festival. O programa conta com Xand Avião, Jorge & Mateus e Bruno & Marrone como jurados e Luan Santana como apresentador.

A assessoria de Gusttavo foi procurada pela publicação e explicou a ausência do músico: “Anunciaram ele num primeiro momento, mas a agenda dele não permitiu que ele participasse“.

O “O Próximo Nº1 VillaMix” foi gravado no dia 23 de abril no YouTube Space Rio, na mesma cidade em que o cantor fez show na noite anterior, no Morro da Urca. Porém, após se apresentar, Lima seguiu para Goiânia.

Continue lendo

Entretenimento

Zé Neto desabafa sobre rotina de shows e chora em Americana: ‘Meu filho não quer falar comigo’

Declaração de sertanejo, que faz dupla com Cristiano, comoveu o público na 2ª noite da festa do peão neste sábado. Também se apresentaram Gustavo Mioto e Dennis DJ.

Publicado em

Do G1
Zé Neto se emocionou durante apresentação na Festa do Peão de Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1
Zé Neto se emocionou durante apresentação na Festa do Peão de Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Considerada a “dupla do momento”, Zé Neto e Cristiano tinha neste sábado (15) o show mais esperado da Festa do Peão de Americana, segundo votação dos internautas em enquete realizada pelo G1. A expectativa se confirmou. Durante quase duas horas, os sertanejos desfilaram alguns dos maiores hits da atualidade, além de surpreender e emocionar o público do rodeio. Zé Neto, em um momento de desabafo, chorou ao falar sobre a árdua rotina de apresentações.

“Eu peço desculpas, porque não estou em um dia muito bom. Sinto saudade do meu filho. Ele não quer falar comigo. Sei que ele é criança e não entende, mas um dia irá entender tudo o que faço por ele e nossa família. Muito obrigado por tudo que vocês tem feito por nós, estou aqui, porque amo cantar para vocês”, confessou Zé Neto, que se tornou pai há dois anos.

Zé Neto e Cristiano desfilaram hits durante show em Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1 

Zé Neto e Cristiano desfilaram hits durante show em Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Com um abraço, Zé Neto foi consolado pelo parceiro, que também lembrou a rotina puxada de shows, realidade vivida por muitos artistas. “A gente não consegue ser tão presente quanto gostaria. Não voltamos pra casa às 18h, como um trabalho normal. Não me lembro do último churrasco que fizemos em família”, disse Cristiano. Ele também afirmou que neste domingo (16) estariam de folga, em casa.

Zé Neto e Cristiano abriram o segundo show da noite com a estourada “Notificação Preferida” e foram recebidos com entusiasmo pelo público, que cantou junto com a dupla. Os amigos de infância, criados no interior de São Paulo, agradeceram os visitantes. Em seguida, eles emendaram os sucessos “A Gente Continua”, “Bateria Acabou” e “Seu Polícia”.

Zé Neto e Cristiano desfilaram hits durante show em Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1 

Zé Neto e Cristiano desfilaram hits durante show em Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Em clima de sofrência, o set list também contou com os hits “Estado Decadente”, “Amigo Taxista” e “Status Que Eu Não Queria”. Os fãs estavam afinados quando a dupla puxou os versos de “Largado às Traças” e fez a arena vibrar.

Recuperados, os sertanejos ainda trouxeram para o palco um momento de “modão de viola”, com sucessos de Tião Carreiro e Pardinho, Sérgio Reis, Milionário e José Rico e Trio Parada Dura. No show ainda teve espaço para clássicos de Bruno e Marrone e Leandro e Leonardo. Já passava das 4h20 deste domingo, quando Zé Neto e Cristiano se despediram dos fãs ao som de “Eu Ligo Pra Você”.

Gustavo Mioto abriu a noite

Com o recinto lotado, o jovem sertanejo, de 22 anos, abriu a segunda noite da festa em Americana. O cantor cumpriu a promessa que fez de trazer um novo show para a cidade. No repertório, hits do EP ‘Pé na Areia’, lançado em fevereiro, como “Fake News”, “3 da Manhã” e “A Lua e Eu”, embalaram os corações apaixonados dos casais. Com direito a chuva de papeis picados, Mioto cantou “Impressionando os Anjos” e emocionou os fãs.

O sertanejo lembrou do cantor Gabriel Diniz, morto no final de maio em um acidente aéreo. Ele se apresentaria na festa na próxima sexta-feira (21). “Com toda a alegria que vocês cantaram a última música, quero que vocês cantem essa que vamos dedicar ao nosso grande amigo Gabriel Diniz”, disse o cantor, que pediu à plateia uma salva de palmas após encerrar a música ‘Jennifer’.

O sertanejo também faz sucesso com o público solteiro. “Alguém mais concorda comigo que a vida de solteiro é muito mais gostosa?”, perguntou aos visitantes. Em seguida, brincou com uma fã que fazia a despedida de solteira na festa: “você vai casar dia 31 de agosto? Meus pêsames”, disse.

Especialmente para os solteiros de plantão, Mioto emendou os sucessos “Anti-Amor” e “Solteiro Não Trai”. O show ainda teve músicas de Marília Mendonça, Henrique e Juliano, Kevinho e Léo Santana, Anitta e até rock ’n roll. O cantor impressionou o público quando, na guitarra, puxou “Ana Júlia”, da banda Los Hermanos, e “Mulher de Fases”, dos Raimundos. O cantor saiu do palco às 2h35 para dar lugar a Zé Neto e Cristiano.

Dennis até amanhecer

A segunda noite de shows foi encerrada ao som de funk brasileiro. Às 5h em ponto, Dennis DJ assumiu o palco e, apesar do horário, o público se manteve no recinto. O DJ carioca está no topo, com 1,2 milhão e 2,3 milhões de seguidores no Spotify e no Youtube, respectivamente.

O Pancadão do DJ tirou o público do chão com as músicas “Só Você”, “Medley da Gaiola” e “Na Farra”. As músicas “Sou Teu Fã” e “Agora Tudo É Meu” também fizeram parte do repertório do artista que tocou até o amanhecer.

Neste domingo (16), a festa continua com Luan Santana e Fernando e Sorocaba, com ingressos disponíveis a partir de R$ 15.

Provas de montaria

No segundo round da Professional Bull Riders (PBR), 19 competidores conseguiram permanecer por 8 segundos nos touros. Silvano Alves, tricampeão mundial da modalidade, foi o melhor. No touro “Tempo de Mudança”, ele somou 86,75 pontos, a maior pontuação da noite, que também rendeu ao atleta a liderança da etapa de Americana.

Nas provas cronometradas, Ana Laura Savini Gomes foi a número um dos três tambores. A atleta marcou o menor tempo da noite: 17,336. Na segunda semifinal do Team Penning, a liderança ficou com o trio Valber Winston, Júnior Ferreira e Maurício Garcia, que somaram 27,438.

Na montaria em burros estilo “Traia Cheia”, Amarildo Rocha conquistou 65 pontos e foi o melhor da noite. Rocha está empatado em primeiro lugar com Tertuliano Rodrigues. Os dois peões têm 106 pontos.

Atleta praticante da modalidade de montaria em burro — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Atleta praticante da modalidade de montaria em burro — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Prova solidária

O ‘Desafio do Bem’, montaria especial para angariar fundos ao Hospital de Câncer de Barretos, foi no estilo ‘Traia Cheia’, com Tietê, burro invicto desde 2009. O peão Tertuliano Pereira foi o desafiado, mas não conseguiu permanecer os 8 segundos no lombo do animal.

A segunda prova da ação beneficente acontecerá no próximo sábado (22). Dessa vez, a montaria será em touro e o voluntário é o tricampeão mundial da PBR, Silvano Alves.

Para arrecadar recursos ao Hospital, até o dia 23, encerramento da festa, bandanas da instituição serão vendidas no recinto e o dinheiro será revertido integralmente à entidade.

Público acompanha a segunda noite da Festa do Peão de Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Público acompanha a segunda noite da Festa do Peão de Americana — Foto: Júlio Cesar Costa/G1

Continue lendo
Solutudo 300
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas