Fique conectado

Esporte

VOCEM marca eleição do Conselho Deliberativo

Na ocasião, serão eleitos presidente, vice-presidente e secretário do Conselho Deliberativo.

Publicado em

2.304

Time avalia atletas para formar a equipe sub-20 para 2020 (Foto: Divulgação)
Time avalia atletas para formar a equipe sub-20 para 2020 (Foto: Divulgação)

Cumprindo o que prevê o Estatuto Social do clube, o VOCEM de Assis realizará eleição para o seu Conselho Deliberativo, cujo mandato terá validade para os dois próximos anos.

O presidente em exercício do CODE, empresário Edson Lima Fiuza, após encontro realizado com os demais conselheiros e dirigentes da Executiva, na noite desta terça-feira, dia 15 de outubro, decidiu convocar a eleição para a próxima quarta-feira, dia 23 de outubro, às 18 horas, no Departamento Jurídico do clube, localizado à rua doutor Clybas Pinto Ferraz, 38, na vila Xavier.

Fiuza explicou que somente os conselheiros em dia com as obrigações com o clube, inclusive as contribuições mensais, poderão participar da votação.

Na ocasião, serão eleitos presidente, vice-presidente e secretário do Conselho Deliberativo.

Na mesma data da eleição, 23 de outubro, o presidente eleito do Conselho Deliberativo deve convocar eleições para o Conselho Fiscal e Diretoria Executiva, que deverão ocorrer ainda neste mês.

Fiuza admitiu a possibilidade de continuar no cargo, mas adiantou que exigirá dos novos dirigentes ‘transparência total na aplicação dos recursos’. Ele pretende exigir da nova diretoria a publicação mensal das despesas e dos valores arrecadados com patrocínio, bilheteria e outros tipos de arrecadação e aportes dos empresários e investidores. “Quero ver todos os gastos publicados no portal do clube”, comentou.

CASÃO
O atual presidente da Diretoria Executiva do VOCEM, Fábio Luís Mânfio, já está com a cabeça na Copinha São Paulo de 2.021, mesmo não sabendo se permanecerá no cargo de principal dirigente do ‘Esquadrão da Fé’ nos próximos dois anos.

Após ser recebido pelo prefeito José Aparecido Fernandes e ter ouvido a promessa do Chefe do Executivo de que o clube mariano será o representante oficial da cidade na Taça São Paulo em janeiro de 2.021, Mãnfio decidiu iniciar o planejamento visando a formação da equipe.

O primeiro passo, junto com o técnico Rodrigo Casa Grande, o ‘Casão’, foi comunicar, através das redes sociais, que “as atividades estão a todo vapor com relação às avaliações para as categorias de base e equipe profissional para as disputas das competições em 2020 e Copa São Paulo em janeiro de 2021”.

‘Casão’ foi coordenador técnico e treinador no Itararé nas temporadas 2.018 e 2.019 e já está residindo em Assis.

“É um trabalho com planejamento, sem pressa, e isso será o diferencial do clube para a próxima temporada. Estamos recebendo atletas de toda a região e até mesmo de outros estados. Tenho gostado do que estou vendo. Os garotos vêm em busca de um sonho e estamos aqui para ajudá-los no que for possível. Vamos abrir as portas e o resto é com eles, dentro de campo” afirmou o treinador vocemista, na página oficial do clube, numa rede social. Mânfio explicou que “as avaliações vêm acontecendo em dois períodos no Centro de Treinamento ‘Padre Beline’, antiga Assis Diesel – e deverão se estender ainda até o mês de novembro”, Ele finalizou dizendo que “maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 99841-5107 com o próprio Casão”.

Esporte

Assisense goleia e segue vivo na Copa São Paulo

Time da casa cravou 5 gols, contra 0 do adversário.

Publicado em

Assessoria
Assisense goleia e segue vivo na Copa São Paulo (Foto: Departamento de Comunicação)
Assisense goleia e segue vivo na Copa São Paulo (Foto: Departamento de Comunicação)

Jogando na quente tarde de segunda-feira, 6, no Estádio Tonicão, o Assisense goleou a equipe do Dimensão Saúde pelo placar de 5 a 0 em partida válida pela segunda rodada do grupo 3 da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Os gols foram marcados por Aber, Ramon e Genésio no primeiro tempo e completaram na etapa final Paulo Neto e João Lucas.

Agora, o time de Assis soma 3 pontos e está na segunda posição. O Botafogo-SP, que venceu os assisenses na primeira rodada, está na liderança com 4 pontos. O último e decisivo confronto será na quinta-feira, 9, contra o Atlético Goianiense às 15h15 no Tonicão.

Continue lendo

Esporte

Assisense faz hoje seu segundo jogo na copinha

Time foi derrotado na primeira rodada.

Publicado em

O Assisense faz na tarde desta segunda-feira (6), às 13h seu segundo jogo pela Copa São Paulo de Juniores no estádio Municipal Antônio Viana da Silva, o ‘Tonicão’.

Na primeira rodada, realizada na última sexta-feira (03) o time foi derrotado por 3 a 0 pelo Botafogo e precisa de um bom resultado hoje contra o Dimensão Saúde para sonhar com a segunda fase.

Todas as partidas do Grupo 3 acontecem no estádio Tonicão, em Assis.

Edy Junior Silva/Assisense

Edy Junior Silva/Assisense

Continue lendo

Esporte

Melhor brasileiro na São Silvestre, Paraguaçuense festeja volta por cima após abandono em 2018

Daniel Ferreira do Nascimento, que é de Paraguaçu Paulista, mas corre por equipe de Bauru (SP), chegou na 11ª colocação e relembrou a decepção sofrida na prova do ano passado.

Publicado em

TV Globo/Reprdução
TV Globo/Reprdução

A 95ª edição da Corrida de São Silvestre, disputada na manhã desta terça-feira, em São Paulo, foi especial para o Centro-Oeste Paulista, que festejou o resultado do atleta Daniel Ferreira do Nascimento, de Paraguaçu Paulista, o melhor brasileiro na classificação geral. Daniel Nascimento, de 21 anos e que corre por uma equipe de Bauru, largou no pelotão de elite e chegou na 11ª colocação, com o tempo de 46min32s.

A prova foi vencida de forma espetacular pelo queniano Kibiwott Kandie, que cruzou a linha de chegada com o tempo de 42min59s, após uma arrancada nos metros finais para ultrapassar Jacob Kiplimo, de Uganda. A marca anterior, de 1995, pertencia a Paul Tergat, com 43min12s.

Com o troféu pela 11ª posição na prova desta terça-feira, Daniel Nascimento relembrou seu abandono na edição do ano passado — Foto: Arquivo pessoal

Com o troféu pela 11ª posição na prova desta terça-feira, Daniel Nascimento relembrou seu abandono na edição do ano passado — Foto: Arquivo pessoal

Após a entrevista coletiva, Daniel Nascimento aproveitou para agradecer os torcedores de Paraguaçu Paulista e de Bauru, e relembrou a decepção sofrida na prova do ano passado, quando precisou abandonar antes da chegada.

– No ano passado acabei abandonando, mas agora eu estava muito bem preparado e confesso que foi muito gratificante poder ser o melhor brasileiro nesta tradicional prova – disse o atleta enquanto exibia seu troféu na sala de entrevistas.

Para a prova deste ano, o corredor paraguçuense chegou com o grande desafio de quebrar a má fase dos atletas brasileiros, que não vencem a maior corrida de rua da América de Sul desde 2010, ano em que Marílson Gomes dos Santos sagrou-se tricampeão – antes, havia vencido em 2003 e 2005.

Daniel Nascimento sequer figurava entre as principais “promessas” brasileiras, numa lista que tinha nomes como Daniel Chaves da Silva, top 15 na Maratona de Londres deste ano e garantido na qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, e Wellington Bezerra, 18º na Maratona de Hamburgo e vice da Maratona Internacional de São Paulo, em 2018.

O paraguaçuense Daniel Nascimento (nº 58) largou no pelotão de elite ao lado de atletas estrangeiros — Foto: TV Globo/Reprodução

O paraguaçuense Daniel Nascimento (nº 58) largou no pelotão de elite ao lado de atletas estrangeiros — Foto: TV Globo/Reprodução

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas