Martinez correspondeu com gol seu pedido para ser titular (Foto: Ueslei Marcelino / Reuters)

O Corinthians definiu, neste domingo, o primeiro time rebaixado para a Série B de 2013. A vitória alvinegra por 2 a 0, neste domingo, no estádio Serejão, em Taguatinga, no Distrito Federal, definiu a queda do Atlético-GO, que foi degolado quatro rodadas antes do fim do Campeonato Brasileiro. Martinez e Guilherme marcaram os gols que definiram o placar.

Lanterna com 23 pontos e 12 ainda em disputa, não alcança mais o primeiro time fora da zona de rebaixamento. Com 37 pontos, mesmo que perca para a Portuguesa, o Bahia não pode mais ser superado pelo Dragão.

Já o Corinthians soma 50 pontos, em oitavo lugar, e segue em sua preparação para o Mundial de Clubes, daqui a um mês, no Japão. A vitória serviu para o técnico Tite poder observar o comportamento do trio Jorge Henrique, Romarinho e Martinez no ataque, já que Emerson e Danilo não jogaram.

O Timão tem mais quatro jogos para fazer os últimos ajustes: contra Coritiba, no próximo sábado, às 21h (de Brasília), Inter, Santos e São Paulo. Já o Dragão vai cumprir tabela diante de Santos, também no sábado que vem, às 19h30m (de Brasília), Atlético-MG, Palmeiras e Bahia.

45 minutos de estudo
Os dois times começaram o jogo cautelosos, devido ao calor de Taguatinga e ao gramado irregular do Serejão. Destaque para a velocidade e a vontade do corintiano Martinez. O argentino corre contra o tempo para mostrar que pode, ao menos, tornar-se o “12º jogador” do time no Mundial. Foi dos pés dele, inclusive, que saiu a primeira chance clara do Timão.  Após passe de Douglas, o argentino chutou rasteiro, a zaga do Atlético cortou e Paulinho, na sobra, arrematou em cima de Márcio, que defendeu bem.

Martinez correspondeu com gol seu pedido para ser titular (Foto: Ueslei Marcelino / Reuters)

A chance corintiana foi uma resposta ao chute de Felipe, minutos antes na trave de Cássio, após corte em Alessandro. Foi o único lance de perigo do time goiano na primeira metade do jogo. Já o Alvinegro ainda assustou com Paulinho, em chute por cima.

O camisa 8 foi um dos destaques do time, ao lado de Douglas. Com um ataque de pouca estatura (Martinez, 1,77m; Jorge Henrique, 1,69m e Romarinho, 1,74m) a chegada dos jogadores de trás voltou a ser o ponto forte do Corinthians.

O primeiro rebaixado
O Atlético-GO sabia que sua missão contra o rebaixamento era muito difícil. E ficou impossível no começo da segunda etapa, depois de Paulinho passar para Martinez na entrada da área. Aos oito minutos, o argentino avançou e tocou no alto na saída de Márcio. Bonito gol, o segundo dele no Brasileirão.

Com a vantagem, o Corinthians passou quase 40 minutos controlando o jogo, defendendo-se bem e buscando o ataque com Martinez e Romarinho. O autor do gol na final da Libertadores foi o jogador, ao lado de Douglas, que mais finalizou as jogadas: seis tentativas, nenhuma na rede.

O Atlético-GO ainda marcou, com Reniê, mas Patric desviou o chute no meio do caminho em posição irregular, e o árbitro anulou o lance, de forma correta, dando impedimento. Tite ainda mudou três vezes o time, colocando Edenílson, Giovanni e Guilherme. O último confirmou a vitória fora de casa aproveitando rebote em jogada de Paulinho. Aos 45 minutos do segundo tempo, bateu rasteiro com o pé direito e garantiu o 2 a 0.

Deixe um comentário

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora gratuitamente sua conta e faça parte.

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Filho recém-nascido de Cristiano Ronaldo morre após parto

Casal conta que 'só o nascimento da menina dá forças para viver' num momento como esse.

Assisense perde para o Itararé em casa em estreia na competição

Em casa Assisense perdeu para o rival por 3 a 1.

Grêmio Prudente vence o Vocem e estreia bem na Segundona

Equipe prudentina soma os três primeiros pontos no Grupo 2.