Corinthians supera próprios recordes na compra de Pato

Clube alvinegro tem as quatro contratações mais caras do futebol brasileiro; recorde anterior foi Tévez

Corinthians anuncia Alexandre Pato (Foto: Divulgação)

Anunciado oficialmente pelo Corinthians no final da tarde desta quinta-feira, o atacante Alexandre Pato, ex-jogador do Milan, representa a compra mais cara já realizada por um clube brasileiro na história. O valor, 15 milhões de euros (R$ 40,5 milhões), bate os próprios recordes do Corinthians, que contava com o Top 3 do ranking: Carlitos Tévez, Nilmar e Mascherano, todos garantidos com dinheiro do grupo MSI entre 2005 e 2006.

O valor pago pela diretoria do Corinthians para garantir Pato por quatro temporadas supera em R$ 7,5 milhões aquele que o empresário Kia Joorabchian pagou por Tévez. Pelo futebol do argentino, o iraniano desembolsou US$ 22 milhões, aproximadamente R$ 33 milhões, no câmbio da época, para o Boca Juniors. Se fossem considerados os valores de hoje, Tévez superaria Pato em menos de R$ 5 milhões.

Nilmar e Mascherano foram adquiridos junto a Lyon e River Plate por R$ 27,8 e R$ 25 milhões, respectivamente. Em 2011, por R$ 14 milhões, o Corinthians também havia tirado o meio-campista Alex do Spartak Moscou, da Rússia, na 15ª compra mais cara do futebol brasileiro. Todas essas contratações fazem parte de um processo de mudança de rumos do futebol brasileiro, que deixou de ser mero “exportador” de talentos e passou a investir em reforços. Baseado em um primeiro momento no dinheiro do MSI e agora em recursos próprios, o Corinthians é um dos pioneiros neste novo momento.

Atrás do Corinthians, que detém as quatro principais compras do futebol nacional, está o São Paulo, que adquiriu Paulo Henrique Ganso junto ao Santos, em setembro de 2012, por R$ 24 milhões. O São Paulo também ocupa o 7º lugar desta lista com a contratação de Luis Fabiano pelo valor de R$ 17,5 milhões. Mais caro que o Fabuloso e mais barato que Ganso está o ex-santista André, comprado pelo Atlético-MG por R$ 19,7 milhões.

03/01/2013 é o dia das grandes transações
Além de Pato, mais um atleta entrou no Top 10 de jogadores mais caros já comprados por clubes brasileiros na história, nesta quarta-feira. Vendido pelo Cruzeiro ao Santos por R$ 16 milhões (valores não oficiais), o meia argentino Montillo assumiria o nono lugar da lista, que conta com Thiago Neves à sua frente e Oscar, vendido pelo São Paulo ao Inter, na décima posição.

Confira a lista de jogadores mais caros do futebol brasileiro (considerando o câmbio da época):

1º lugar ­ Alexandre Pato (do Milan ao Corinthians, em 2013) ­ R$ 40,5 milhões

2º lugar ­ Carlos Tévez (do Boca Juniors ao Corinthians, em 2005) ­ R$ 33 milhões

3º lugar ­ Nilmar (do Lyon ao Corinthians, em 2006) ­ R$ 27,8 milhões

4º lugar ­ Mascherano (do River Plate ao Corinthians, em 2005) ­ R$ 25 milhões

5º lugar ­ Paulo Henrique Ganso (do Santos ao São Paulo, em 2012) ­ R$ 23,9 milhões

6º lugar ­ André (do Dinamo de Kiev ao Atlético-MG, em 2012) ­ R$ 19,7 milhões

7º lugar ­ Luis Fabiano (do Sevilla ao São Paulo, em 2011) ­ R$ 17,5 milhões

8º lugar ­ Thiago Neves (do Al Hilal ao Fluminense, em 2012) ­ R$ 16,2 milhões

9 º lugar ­ Montillo (do Cruzeiro ao Santos, em 2013) ­ R$ 16 milhões

10º lugar ­ Oscar (do São Paulo ao Inter, em 2012) ­ R$ 15 milhões

#MAIS LIDAS DA SEMANA