Neymar minimiza fim de jejum e brinca sobre golaço: ‘Foi sorte’

Atacante volta a marcar após seis jogos, mas assegura que não estava preocupado com a série negativa por Santos e seleção brasileira

Neymar, cercado pelos marcadores do Oeste de Itápolis (Foto: Célio Messias / Ag. estado)

O atacante Neymar encerrou um jejum de quase dois meses sem fazer gols na vitória do Santos por 2 a 1 sobre o Oeste de Itápolis, neste domingo, no estádio Alfredo de Castilho, em Bauru. O camisa 11 acertou chute indefensável no ângulo direito do goleiro Fernando Leal, abrindo o placar para o Peixe. Segundo o jogador, bem humorado na entrevista após a partida, nada demais. Nada de fim da má fase. Apenas um lance de sorte.

– Eu não estava com zica nenhuma, não. Eu estava jogando jogando normalmente. Isso é coisa de vocês (jornalistas). Acabei dando sorte – resumiu, entre risos.

O último gol de Neymar havia sido na derrota do Santos por 3 a 1 para o Paulista de Jundiaí, no dia 10 de fevereiro, pela sétima rodada do Campeonato Paulista. De lá para cá, foram quatro jogos pelo Peixe e dois pela seleção brasileira sem encontrar o caminho das redes. As más atuações e a falta de gols causaram polêmica tanto no Brasil, nas partidas do Paulistão, quanto no exterior, por conta da Seleção.

Na última quinta-feira, em seu retorno ao Santos, a torcida não engoliu o empate por 2 a 2 com o Mogi Mirim e vaiou Neymar. Os gols do Peixe foram marcados por Cícero e Giva. O meio-campista, aliás, fez mais um neste domingo – o Oeste de Itápolis conseguiu o empate aos 40 minutos do segundo tempo, mas voltou a ficar atrás do placar logo em seguida.

De olho na sequência positiva, Neymar voltará a campo na próxima quinta-feira, contra o São Caetano, às 19h30m, no estádio do Pacaembu. Restam três jogos pela primeira fase do Campeonato Paulista: além do Azulão, o Santos ainda enfrenta o União Barbarense, fora de casa, no dia 13, e o Penapolense, na Vila Belmiro, no dia 21.

#MAIS LIDAS DA SEMANA