Fique conectado

Futebol

Uefa confirma uso do VAR a partir das oitavas da Liga dos Campeões

Publicado em

56

O Comitê Executivo da Uefa decidiu nesta segunda-feira permitir o uso do árbitro de vídeo (VAR, na sigla em inglês) na Liga dos Campeões a partir da fase de oitavas de final. A entidade também vai usar o recurso tecnológico na final da Liga Europa e em outros torneios organizados pela entidade que rege o futebol no continente europeu.

As decisões favoráveis vieram após longas discussões sobre o tema durante os dois dias de reuniões do Comitê Executivo da Uefa em Dublin, na Irlanda. Pelas definições da entidade, a Liga dos Campeões terá o VAR a partir de fevereiro de 2019, com a disputa das fases de mata-mata.

Além disso, o recurso será utilizado somente na final da Liga Europa, nas finais da Liga das Nações da Uefa e na decisão da Eurocopa Sub-21, todos na temporada 2019. A reunião confirmou ainda que o VAR será utilizado ao longo de toda a Liga dos Campeões da temporada 2019/2020, incluindo a fase de playoffs. E também a Supercopa da Europa.

A entidade ainda estuda usar o árbitro de vídeo na final da Eurocopa de 2020, na Liga Europa da temporada 2020/2021 (somente na fase de grupos) e nas finais da Liga das Nações de 2021.

As decisões anunciadas nesta segunda surpreendem porque a Uefa vinha se mostrando refratária à introdução do VAR em suas competições nas últimas reuniões da entidade. Era esperado que o recurso fosse introduzido na Liga dos Campeões somente na próxima temporada.

“Estamos prontos para usar o VAR mais cedo do que planejávamos e estamos convencidos de que será benéfico para as nossas competições assim como também fornecerá ajuda aos árbitros e vai reduzir as decisões incorretas”, declarou o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, nesta segunda.

Futebol

Marta vira 1ª mulher a ter os pés na Calçada da Fama do Maracanã

Publicado em

Agência Estado
Marta vira 1ª mulher a ter os pés na Calçada da Fama do Maracanã

Depois de ter sido eleita pela sexta vez a melhor jogadora do mundo pela Fifa, a brasileira Marta voltou a fazer história, nesta segunda-feira, ao deixar a marca dos seus pés na Calçada da Fama do Maracanã. Ela se juntou a nomes como Pelé, Zico, Garrincha e Zagallo, entre outros nomes de peso que foram eternizados no estádio mais importante do Brasil e também um dos maiores templos do futebol mundial.

“Voltar ao Maracanã, receber esta homenagem e lembrar os momentos que vivi aqui é fantástico. É algo incrível”, comemorou a jogadora da seleção brasileira, que se tornou a primeira mulher a ter o formato dos seus pés gravado na Calçada da Fama do Maracanã.

No museu que comporta este espaço para poucos homenageados com esta honraria, Marta também ganhou uma estação exclusiva de exposição, que ainda conta com objetivos de seu acervo pessoal, como por exemplo chuteira, troféu, uma camisa da seleção brasileira e outros itens.

Este molde dos pés de Marta passará a fazer parte do tour oficial do Maracanã. E a estrela exaltou a importância que este fato tem para o futebol feminino e para as mulheres em geral na sociedade. “Em toda homenagem, a gente fica emocionada, porque é mais um passo à frente. É um incentivo para as mulheres continuarem lutando por espaço em todas as áreas. Fico muito feliz por ser no meu País, considerado o país do futebol”, ressaltou.

Durante a cerimônia realizada na tarde desta segunda-feira, Marta ainda registrou uma mensagem no chamado Livro de Ouro do Maracanã. “Uma grande honra deixar essa mensagem no livro do templo do nosso futebol. Obrigado pelos momentos fantásticos vividos aqui”, escreveu.

Medalhista de prata no futebol feminino nos Jogos Olímpicos de 2004 e 2008 e de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2003 e 2007, Marta aproveitou a grande vitrine que foi o evento desta segunda-feira para também pedir aos governantes que “haja mais políticas de incentivo, principalmente nas escolas” ao esporte brasileiro.

Continue lendo

Futebol

Corinthians confirma contratação do volante Richard, ex-Fluminense

Jovem de 24 anos chegará ao clube com um contrato válido pelas próximas quatro temporadas.

Publicado em

Agência Estado
Corinthians confirma contratação do volante Richard, ex-Fluminense

O volante Richard é o novo reforço do Corinthians. Nesta segunda-feira, a diretoria do clube anunciou a contratação do meio-campista, de 24 anos, que estava no Fluminense e chegará ao clube com um contrato válido pelas próximas quatro temporadas, até o final de 2022.

Richard é o quarto reforço anunciado pelo Corinthians para o próximo ano. Antes, o clube havia contratado os atacantes André Luis e Gustavo Mosquito e o lateral-direito Michel Macedo. Os dois últimos, inclusive, chegaram a treinar no CT Joaquim Grava nas últimas semanas.

O Corinthians não deu maiores detalhes financeiros sobre a negociação que fez Richard trocar o Fluminense pela equipe paulista. O volante estava desde a metade de 2017 no time carioca, sendo que foi o autor do gol da vitória por 1 a 0 sobre o América Mineiro, na rodada final do Campeonato Brasileiro deste ano, um resultado que evitou o rebaixamento da equipe à Série B.

A chegada ao Corinthians também representa um retorno para Richard, pois o volante iniciou a sua carreira no futebol do Estado, pelo Comercial. Depois, passou por Atlético Sorocaba e Atibaia, antes de se transferir ao Fluminense.

Richard terá concorrência para buscar a titularidade no meio-campo corintiano. Afinal, Ralf terminou a temporada 2018 como titular. E o elenco, agora novamente sob o comando de Fábio Carille, também conta com Gabriel como outra opção para a função

Com a presença de Richard, o elenco do Corinthians se reapresenta após o período de férias em 3 de janeiro, no CT Joaquim Grava, iniciando a pré-temporada. O primeiro jogo da equipe por uma competição oficial em 2019 vai ser contra o São Caetano, em casa, pela rodada de abertura do Campeonato Paulista, que tem o dia 20 de janeiro como sua data-base.

Continue lendo

Futebol

Esquema de segurança funciona e evita brigas na final da Libertadores

Publicado em

Agência Estado

O esquema de segurança organizado pela Polícia Nacional Espanhola e que contou com a cooperação de policiais argentinos conseguiu evitar grandes confrontos entre torcedores do River Plate e do Boca Juniors, neste domingo, antes e durante a final da Copa Libertadores, disputada em Madri. Antes da partida, foram registrados apenas princípios de confusão em pontos isolados da capital espanhola.

Um dos momentos de tensão ocorreu na noite de sábado, quando cerca de mil torcedores do River se concentraram na Puerta del Sol, um dos locais mais famosos de Madri. Torcedores do Boca que estavam no local foram dispersados.

Ao todo, o Superclássico contou com cerca de quatro mil profissionais de segurança, entre eles, 2.054 policiais. Antes do jogo, as autoridades locais criaram uma barreira para separar os torcedores, que foram escoltados pela polícia. O som dos helicópteros da polícia se misturava à cantoria argentina. Para entrar no estádio, foi realizado um controle de acesso rigoroso, com duas revistas e vários pontos de checagem.

O forte policiamento é reflexo do ocorrido em 24 de novembro, data em que seria a segunda partida da final, no Monumental de Núñez, em Buenos Aires. O ônibus do Boca Juniors foi alvo de pedradas antes de acessar o estádio e a partida acabou adiada.

Depois de dias de entrave, a Conmebol escolheu Madri como local do jogo decisivo. Nos dias anteriores ao confronto, a Espanha deportou pelo menos dois torcedores “barras bravas” argentinos e fez várias reuniões de planejamento.

Neste domingo, os dois times argentinos empataram por 1 a 1 no tempo normal. Na prorrogação, o River virou o placar e venceu por 3 a 1.

Continue lendo
Banner Star Som
WhatsAssp AssisNews
Solutudo 300
Publicidade

FaceNews

Mais lidas