Fique conectado

Futebol

Everton marca, Brasil vence o Peru e conquista a Copa América

Seleção chegou ao seu nono título continental na história.

Publicado em

514

Everton abriu o placar na decisão (Foto: Carl DE SOUZA / AFP)

Quem manda no futebol sul-americano é o Brasil. No Maracanã lotado, a Seleção venceu o Peru por 3 a 1 e conquistou seu nono título da Copa América. Quando joga em casa, ganha sempre. Everton, Gabriel Jesus e Richarlison marcaram os gols, Guerrero descontou.

Para repetir o futebol apresentado na goleada da primeira fase, seria importante encontrar um gol no primeiro tempo. Só que o início do jogo foi de um adversário arrojado, sem medo de marcar em cima, impedindo a Seleção de armar as jogadas desde o campo de defesa. Por isso, demorou mais de 10 minutos para o time de Tite entrar no jogo e se impor. E logo que fez, abriu o placar.

Aos 15, a jogada começou pela direita, como sempre o lado de segurança do Brasil. Gabriel Jesus dominou pela ponta, fez o que quis com Trauco e cruzou. A zaga peruana se preocupou demais com Firmino, Advincula errou a leitura do lance e Everton, sozinho, bateu de primeira para vencer Gallese: 1 a 0.

O gol causou exatamente o efeito que Tite queria. Com a vantagem no placar, o Brasil se sentiu à vontade no Maracanã. Entendeu a superioridade que tinha e passou a administrar a partida, mas sem “sentar” no resultado. Era um domínio ofensivo, buscando ampliar o placar e resolver tudo sem sustos. Aos 23, teve uma chance claríssima. Pelo lado esquerdo, Alex Sandro e Firmino tramaram até que a bola chegou a Coutinho, mas seu chute passou ao lado da trave.

O problema de um jogo controlado mas de pouca vantagem é o que pode ocorrer em um lance isolado. Estava quase no final do primeiro tempo, a seleção peruana avançou pela direita e, em uma tentativa de cruzamento rasteiro, a bola bateu no braço de Thiago Silva. Pênalti marcado por Roberto Tobar e confirmado após rever o lance no VAR. Aos 44, Guerrero bateu com categoria e empatou.

Menos mal para o Brasil que a resposta foi imediata. Antes mesmo do intervalo, voltou a frente no placar. E o gol foi ao estilo pedido por Tite. O Peru tentava sair de trás mas Firmino foi dedicado para dar um carrinho certeiro no meio. Arthur apanhou o rebote e conduziu em direção à área. Gabriel Jesus se desmarcou e recebeu, aproveitando-se da queda de Zambrano, que se desequilibrou. Com calma, o centroavante do Manchester City tirou de Gallese e fez 2 a 1.

O Brasil voltou ainda mais confiante no segundo tempo. Principalmente pelo crescimento de Philippe Coutinho. O meia foi responsável pelas jogadas ofensivas do time. Aos cinco minutos, quase marcou batendo forte, ao lado da trave. Aos oito, ele arrancou do campo de defesa, passou por três adversários, mas na hora de bater, foi travado. Na sequência, Jesus deu para Firmino bater mal, para fora.

O terceiro gol não saía e enervava o time, dando confiança aos peruanos. Não que houvesse grande pressão, mas o cenário do primeiro tempo ainda estava vivo na memória. Em faltas laterais próximas à área, assustava Alisson e a defesa.

Para dar um tempero ainda mais dramático, Gabriel Jesus cometeu uma falta na lateral e o árbitro entendeu que era de cartão amarelo. Como já tinha, foi expulso. O Peru, então, atirou-se ao ataque. Teve uma chance em um de Carrillo, defendido por Alisson, e outra em uma pancada de fora da área, que passou próxima à trave.

Aos 43, Everton arrancou pelo meio, entrou na área e trombou com a defesa. Roberto Tobar marcou pênalti, reviu no VAR e confirmou. Richarlison, que havia ingressado pouco antes, bateu e liquidou a fatura. A América é do Brasil mesmo.

COPA AMÉRICA — FINAL — 7/7/2019

BRASIL (3)
Alisson; Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro e Arthur; Philippe Coutinho (Militão, 31’/2ºT), Everton (Allan, 47’/2ºT) e Gabriel Jesus; Firmino (Richarlison, 29’/2ºT).
Técnico: Tite

PERU (1)
Gallese; Advincula, Zambrano, Aram e Trauco; Tapia (González, 37’/2ºT), Yotún (Ruidiaz, 33’/2ºT), Flores, Cueva e Carrillo (Polo, 40’/2ºT); Guerrero.
Técnico: Ricardo Gareca

Gols: Everton (B), aos 15, Guerrero (P), aos 43, Gabriel Jesus, aos 47 minutos do primeiro tempo; Richarlison (B), aos 44 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Gabriel Jesus (B); Advincula, Zambrano e Tapia (P)
Cartão vermelho: Gabriel Jesus (B)

Público: 69.906 (58.504 pagantes)
Renda: R$ 38.760.850
Arbitragem: Roberto Tobar, auxiliado por Christian Schiemann e Claudio Rios. VAR: Julio Bascuñan (equipe chilena)
Local: Maracanã, Rio de Janeiro

Esporte

VOCEM marca eleição do Conselho Deliberativo

Na ocasião, serão eleitos presidente, vice-presidente e secretário do Conselho Deliberativo.

Publicado em

Assessoria
Time avalia atletas para formar a equipe sub-20 para 2020 (Foto: Divulgação)
Time avalia atletas para formar a equipe sub-20 para 2020 (Foto: Divulgação)

Cumprindo o que prevê o Estatuto Social do clube, o VOCEM de Assis realizará eleição para o seu Conselho Deliberativo, cujo mandato terá validade para os dois próximos anos.

O presidente em exercício do CODE, empresário Edson Lima Fiuza, após encontro realizado com os demais conselheiros e dirigentes da Executiva, na noite desta terça-feira, dia 15 de outubro, decidiu convocar a eleição para a próxima quarta-feira, dia 23 de outubro, às 18 horas, no Departamento Jurídico do clube, localizado à rua doutor Clybas Pinto Ferraz, 38, na vila Xavier.

Fiuza explicou que somente os conselheiros em dia com as obrigações com o clube, inclusive as contribuições mensais, poderão participar da votação.

Na ocasião, serão eleitos presidente, vice-presidente e secretário do Conselho Deliberativo.

Na mesma data da eleição, 23 de outubro, o presidente eleito do Conselho Deliberativo deve convocar eleições para o Conselho Fiscal e Diretoria Executiva, que deverão ocorrer ainda neste mês.

Fiuza admitiu a possibilidade de continuar no cargo, mas adiantou que exigirá dos novos dirigentes ‘transparência total na aplicação dos recursos’. Ele pretende exigir da nova diretoria a publicação mensal das despesas e dos valores arrecadados com patrocínio, bilheteria e outros tipos de arrecadação e aportes dos empresários e investidores. “Quero ver todos os gastos publicados no portal do clube”, comentou.

CASÃO
O atual presidente da Diretoria Executiva do VOCEM, Fábio Luís Mânfio, já está com a cabeça na Copinha São Paulo de 2.021, mesmo não sabendo se permanecerá no cargo de principal dirigente do ‘Esquadrão da Fé’ nos próximos dois anos.

Após ser recebido pelo prefeito José Aparecido Fernandes e ter ouvido a promessa do Chefe do Executivo de que o clube mariano será o representante oficial da cidade na Taça São Paulo em janeiro de 2.021, Mãnfio decidiu iniciar o planejamento visando a formação da equipe.

O primeiro passo, junto com o técnico Rodrigo Casa Grande, o ‘Casão’, foi comunicar, através das redes sociais, que “as atividades estão a todo vapor com relação às avaliações para as categorias de base e equipe profissional para as disputas das competições em 2020 e Copa São Paulo em janeiro de 2021”.

‘Casão’ foi coordenador técnico e treinador no Itararé nas temporadas 2.018 e 2.019 e já está residindo em Assis.

“É um trabalho com planejamento, sem pressa, e isso será o diferencial do clube para a próxima temporada. Estamos recebendo atletas de toda a região e até mesmo de outros estados. Tenho gostado do que estou vendo. Os garotos vêm em busca de um sonho e estamos aqui para ajudá-los no que for possível. Vamos abrir as portas e o resto é com eles, dentro de campo” afirmou o treinador vocemista, na página oficial do clube, numa rede social. Mânfio explicou que “as avaliações vêm acontecendo em dois períodos no Centro de Treinamento ‘Padre Beline’, antiga Assis Diesel – e deverão se estender ainda até o mês de novembro”, Ele finalizou dizendo que “maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (15) 99841-5107 com o próprio Casão”.

Continue lendo

Esporte

Apoiado pela Tempobet, Fulham deve Modernizar o “Estádio Mais Charmoso da Inglaterra”

Publicado em

Apoiado pela Tempobet, Fulham deve Modernizar o “Estádio Mais Charmoso da Inglaterra”

Atualmente, o Fulham está disputando a segunda divisão do Campeonato Inglês. No entanto, o clube é detentor de um dos estádios mais admiradores da Terra da Rainha: o Craven Cottage. Afinal, o local tem a fama de ser o “estádio mais charmoso da Inglaterra”.

Entretanto, o campo deve está passando por algumas mudanças. O clube iniciou a reforma da arquibancada Riverside, que fica próxima ao rio Tâmisa. O intuito da obra é fazer com que a capacidade do estádio salte de 25 mil para 30 mil, além de modernizar o estádio.

De acordo com o presidente do Fulham, Shahid Khan, a obra tem previsão de conclusão para a metade de 2021. A ideia é que tudo esteja pronto antes do pontapé inicial da temporada 2021 – 2022.

Além disso, Khan afirmou que o projeto deve exigir o investimento de 100 milhões de libras, mas deve ser um marco par ao clube e a cidade de Londres. Ou seja, o presidente enxerga como uma forma de impulsionar o crescimento do Fulham, tornando-o um dos protagonistas na Premier League e nas casas de apostas.

Projeto de modernização do Craven Cottage

O novo ambiente vai abrigar áreas VIP, lanchonetes, restaurantes, centros de eventos e até nove apartamentos para estadia breve, conforme o site oficial do Fulham. Apesar disto, o clube entende que não precisará mandar os seus jogos em outro estádio.

Como ocorreu em outros estádios, o Fulham poderá enfrentar os seus adversários ali porque somente a arquibancada será fechada. Então, o torcedor poderá assistir, por exemplo, o jogo contra o Derby County de Wayne Rooney, Queens Park Rangers ou Huddersfield, que fechou contrato com uma casa de aposta conforme o portal IGaming Brazil.

Portanto, o Fulham poderá utilizar o seu estádio até a inauguração da nova estrutura. Isso porque as áreas Hammersmith End, Putney End e Johnny Haynes Stand permanecem com acesso liberado, restringindo somente a quantidade de pessoas. A tendência é que o charmoso Craven Cottage possa receber aproximadamente 19 mil pessoas durante o processo de modernização.

Continue lendo

Esporte

Peneira do Grêmio acontece no Tonicão nos dias 18 e 19 de setembro

Publicado em

Assessoria
Peneira do Grêmio acontece no Tonicão nos dias 18 e 19 de setembro (Foto: Divulgação)
Peneira do Grêmio acontece no Tonicão nos dias 18 e 19 de setembro (Foto: Divulgação)

Nesta quarta e quinta-feira em Assis a 1ª peneira do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense realizado na cidade de Assis com parceria do Projeto PV48, administrado pela Prefeitura de Assis através da Secretaria Municipal de Esportes.

As inscrições foram realizadas com sucesso no período de 1 a 13 de setembro chegando a mais de 400 inscritos para os nascidos de 2001 a 2008 de 11 a 18 anos.

A peneira acontece nesta semana no Estádio Municipal Antônio Viana Silva “Tonicão”, nos dias 18 e 19 de setembro.

No dia 18/09 treinam os nascidos de 2001 a 2004 e 2008 e no dia 19/09 os nascidos de 2005 a 2007. Com início no período da manhã às 8h e tarde às 13h para ambos os dias.

Esta peneira acontece em Assis pela indicação do Goleiro Paulo Victor patrono do Projeto Social PV48 com o observador técnico do Grêmio Erivelton Lima.

Todo evento realizado vai o agradecimento aos parceiros do Projeto PMA/PV48 que enaltecem o trabalho realizado. São eles: Luvas Poker, Conti Cola, Worls Sport, Posto Bela Assis e Hotel HD Plaza.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Solutudo 300
Publicidade

FaceNews

Mais lidas