Fique conectado

Karate

Professor lamenta a falta de parceiros e patrocinadores para competição do mundial na Sérvia

8 atletas da nossa região ficaram de fora por falta de patrocínio tais como: Thais Araújo, Thiago Araújo do Prado, João Pedro e outros

Publicado em

1.912

Karate (Foto: Ana Ferreira)

Iniciou nesta quarta feira dia 10 de outubro até dia 14 de outubro na cidade de Novi  Sad no Pais da Servia, o 4° Mundial de karate  infantil, infanto juvenil e juniores , realizado pela WUKF (World União Karate federetion ) com a presença de mais 1500 atletas de mais 100 paises, com a presença de atletas dos 4 cantos do globo terreste.

A equipe brasileira que representará o Brasil no Mundial de karate  será formado por 54 atletas de todo o território nacional sendo que 8 atletas da nossa região ficaram de fora por falta de patrocínio  tais como: Thais Araújo  3° lugar no ultimo Mundial , 05 vezes campeã brasileira, campeã Pan americana e outros títulos, Thiago Araújo do Prado, 3° lugar no ultimo campeonato mundial de karate, vários títulos nacionais e internacionais como o campeonato Pan americano.  João Pedro com mais de 15 títulos nacionais e estaduais, Fabio da Costa, vários títulos nacionais e internacionais, Gabriel Kamaguso -  Campeão Mundial, Campeão Pan Americano, Campeão Sul Americano, 5 Vezes Campeão Brasileiro , 6 Vezes Campeão Paulista e Matogrossense, Ana Carolina campeão Pan Americana e Brasileira, Natanael Falqui Campeão dos Jogos regionais, campeão Brasileiro, Campeão Pan Americano , Miguel Gentilinni campeão Pan Americano , Brasileira, campeão estadual por vários anos.

Todos estes atletas pertecem a vários municípios do Vale Paranapanema e por falta de patrocínio não conseguiram integrar a seleção brasileira de karate neste Mundial na Servia. O  Professor Kamaguso e  presidente da sub sede da Federação paulista de karate Interestilos do oeste paulista estará representando o Brasil no Mundial de karate na Servia como representante da comissão de arbitragem do Brasil, sendo que juntamente com ele  o Professor Luis Ivan do estado do Paraná da cidade de Curitiba foi escolhido também, ambos terão uma tarefa difícil neste Mundial que será aprimorar os seus conhecimentos através dos cursos de arbitragem  que serão classificatórios para os eventos internacionais do ano que vem, sendo que ainda este  ano terão o campeonato Asiático no mês de novembro no período de 21 a 25  na Índia.

Publicidade
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas