Mensagem que circula sobre o Facebook ser pago é falsa

O texto apareceu na rede social de Mark Zuckerberg no dia 07 de julho de 2013. O conteúdo é mais um dos inúmeros falsos avisos que circulam na rede

Mensagem que circula pela Facebook afirma que daqui a 12 horas farão uma busca em seu perfil para saber se você aceita que seus dados sejam enviados ao governo americano! Verdadeiro ou falso?

O texto apareceu na rede social de Mark Zuckerberg no dia 07 de julho de 2013. O conteúdo é mais um dos inúmeros avisos que sempre aparecem no Facebook sobre a possibilidade do serviço passar a ser pago.

Dessa vez, o autor da nota pede para que o usuário copie e cole o texto em seu próprio perfil para que seus dados não sejam enviados ao governo americano e para que todos os serviços continuem gratuitos.

A notícia também afirma que falta pouco tempo até que a fiscalização do Facebook comece a pesquisar em todos os perfis para saberem quem autoriza e quem não autoriza a cobrança.

O texto completo que se espalhou na web é esse:

Texto afirma que Facebook será pago! Verdadeiro ou falso? (reprodução/Facebook)

Verdadeiro ou falso?

O texto é falso! Trata-se de uma sátira aos muitos boatos que surgem diariamente no Facebook!
Os hoaxes possuem algumas características recorrentes:

  • Cita nomes de empresas confiáveis para dar mais credibilidade ao que se quer divulgar
  • Trata de um assunto que atraia o maior numero de pessoas possível
  • Não é datada, dessa forma o texto pode circular diversas vezes no ano
  • Pede para ser repassado (ou compartilhado)
  • Mistura fatos reais com vários trechos de ficção

Desmontando um hoax
Logo no primeiro parágrafo, temos:
“FALTAM 12 HORAS PRAZO FINAL, ACABOU DE SAIR NA MÍDIA, EXTRA OFICIAL, passou no Domingo Fantástico (domingo passado) e no Programa do Ratinho na quinta-feira, no Jornal Nacional e na terça-feira, na rede CBM na segunda-feira, no show do Calypso no sábado passado e no Corean On Line”

A partir de que momento estaria sendo contado esse prazo citado no texto?

O autor diz que o fato teria sido divulgado no “domingo passado”, mas não diz o dia. Dessa forma, esse boato poderá ser reaproveitado diversas vezes.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA