Smartphone com ‘Flappy Bird’ chega a custar R$ 50 mil no Mercado Livre

Ofertas de aparelhos com jogo instalado inundaram arremates virtuais. Sucesso nos smartphones, jogo foi removido de lojas virtuais por criador.

iPhone com ‘Flappy Bird’ é ofertado a uS$ 100 mil
no eBay (Foto: Divulgação/.Gears)

O game “Flappy Bird”, retirado das lojas de aplicativos da Apple e do Google no domingo (9), está valendo ouro nos arremates virtuais. Ofertas de smartphones e tablets com o jogo instalado inundaram esses sites, e um usuário do Mercado Livre chegou a anunciar um smartphone Nexus 4 por R$ 50 mil.

Líder em número de downloads nos dispositivos iOS e Android até ser derrubado por seu criador Dong Nguyen, que se limitou a dizer que “não aguentava mais” o sucesso de seu game, “Flappy Bird” ganhou fama por conta do seu alto nível de dificuldade. Com sutis toques na tela, o jogador precisa controlar a altura do voo de um pássaro e desviar dos canos verdes que aparecem. Cada obstáculo superado marca um ponto. Qualquer esbarrada no cenário e é fim de jogo.

Com anúncios de aparelhos que vão desde R$ 50 ao Nexus 4 de R$ 50 mil, as ofertas são uma tentativa de capitalizar com o desaparecimento repentino de “Flappy Bird” da App Store e do Google Play, fato que pegou os jogadores de surpresa.

No site de leilões eBay, um usuário chegou a anunciar um iPhone 5S com o game instalado por US$ 100 mil. No entanto, o produto foi tirado do ar nesta segunda-feira (10).

No sábado, o desenvolvedor vietnamita Dog Nguyen anunciou que iria retirar o jogo do ar. “Desculpem usuários  do ‘Flappy Bird’, mas daqui a 22 horas vou removê-lo . Não aguento mais”, escreveu Ngyen em seu perfil no Twitter no sábado.

Dong chegou a frisar que “não iria vender” o título e que a decisão não teria sido motivada por questões jurídicas. “Não é nada relacionado com questões legais. Não consigo acompanhar mais”, frisou o criador vietnamita, finalizando que ainda continua criando jogos indie na produtora “.Gears”.

O criador do game já havia reclamado da pressão que estava sofrendo da imprensa, e pediu para que os veículos parassem de procurá-lo. “A imprensa está supervalorizando o sucesso dos meus jogos. É algo que eu nunca quis. Por favor, me deixem em paz”, declarou Dong Nguyen no Twitter.

#MAIS LIDAS DA SEMANA