Motorola apresenta 1º smartphone desenvolvido com o Google

Moto X reconhecerá voz do dono e gestos para executar funções.
Modelo de 16 GB chega no fim de agosto por US$ 199 aos EUA.

Moto X da Motorola (Foto: AFP / Don Emmert)

A fabricante de telefones celulares Motorola apresentou nesta quinta-feira, 01,  nos Estados Unidos o seu esperado Moto X, o telefone da Google que os próprios compradores podem projetar.

A Motorola atravessa tempos difíceis, e espera com este lançamento recuperar o tempo perdido para a concorrência.
O Moto X é o primeiro smartphone da Motorola criado em parceria com a Google desde que a gigante da internet comprou a empresa em maio do ano passado por 12,5 milhões de dólares.

“Na Motorola, nossas raízes estão no hardware móvel – inventamos a comunicação móvel”, afirmou o diretor geral da Motorola Mobility no Canadá, Odile Guinot, em um comunicado.

“Agora, como companhia da Google, nos tornamos o tipo de empresa que pode fabricar um telefone inteligente como o Moto X”, acrescentou Guinot. “Nossa história de inovação móvel se une ao melhor dos serviços móveis da Google”.
O Moto X estará disponível em Estados Unidos, América Latina e Canadá no final de agosto ou início de setembro, vendido a partir de 199 dólares nos EUA.

Os clientes podem visitar o estúdio on-line Moto Maker para personalizar a cor, tons, capacidade de memória e outras características do telefone, que, nos Estados Unidos, será montado e entregue quatro dias depois, segundo a Motorola, que indica “2000 combinações possíveis” do aparelho.

Os smartphones da Moto X utilizam o sistema operacional Android da Google e contam com sofisticados comandos de voz.

VEJA TAMBÉM

#MAIS LIDAS DA SEMANA