Homem é preso suspeito de matar ex-mulher a facadas na frente da nora e da neta

Casal estava separado há dois meses e suspeito foi à casa da ex em Tupã (SP) para tentar reconciliação.

Um homem foi preso nesta sexta-feira (31) suspeito de matar a ex-mulher esfaqueada em Tupã (SP). O crime aconteceu durante uma discussão na casa da vítima, no Bairro Jaçanã, nesta tarde. A nora e neta da vítima, de 5 anos, presenciaram o crime.

Segundo a Polícia Militar, Carlos Roberto, de 49 anos, teria entrado na casa da ex-mulher Rosângela Alves da Silva, de 44, sob o pretexto de tentar a reconciliação – o casal estava separado há cerca de dois meses – mas acabou discutindo com a vítima. Na sequência, desferiu seis facadas na mulher.

Ainda segundo a PM, a mulher chegou a ser socorrida e foi levada para a Santa Casa de Tupã. Porém, não resistiu e morreu no hospital.

Depois do crime, o suspeito tentou fugir e foi perseguido pelos policiais. Após bater o carro, foi preso e levado para a Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Tupã.

Segundo o delegado Roberto José Fernandes Bonfim, o suspeito vai ser indiciado por feminicídio e homicídio qualificado (motivo fútil e sem dar chance de defesa à vítima), com pena prevista de 12 a 30 anos de prisão.

#MAIS LIDAS DA SEMANA