Foto: Reprodução / Redes Sociais

Um vídeo do estabelecimento em que estava o engenheiro agrônomo Silas Henrique Palmieri Maia, de 33 anos, mostra o momento em que ele foi executado com pelo menos quatro tiros à queima-roupa. (Veja o vídeo abaixo)

O autor dos tiros foi identificado como o produtor rural Paulo, com quem a vítima teria tido um desentendimento horas antes. Conforme a imprensa local, Silas estava na mesa de um restaurante da região. Um homem  se aproximou por trás e atirou duas vezes na cabeça do engenheiro.

O amigo  de Silas  tentou socorrê-lo até o hospital, mas ele morreu durante o resgate. As imagens são fortes e registram que Silas e um amigo, também engenheiro, estavam sentados em uma lanchonete e não perceberam a aproximação do suspeito. Em seguida, no canto do vídeo o produtor dá um tapa nas costas de Silas e dispara pelo menos quatros vezes na nuca do engenheiro.

A Polícia Civil procura pelo proprietário da fazenda que o agrônomo cobrou a dívida. Segundo o portal Folha Max, o produtor é considerado foragido.

ATENÇÃO!

IMAGENS FORTES:

 

Assine nossa newsletter

Receba as notícias do AssisNews diretamente em seu email.

VOCÊ PODE GOSTAR

Homem de 42 anos é esfaqueado em Florínea; agressor está foragido

Vítima foi transferida para um Hospital em Assis (SP).

Autores de incêndios em áreas agrícolas foram sentenciados a prisão

Os incêndios aconteceram nas regiões de Assis, Tarumã e Cândido Mota.