Fique conectado

Polícia

Morre contador agredido durante briga no Clube da 3ª Idade em Assis

Roberto Donizete da Cruz, 54 anos, foi hospitalizado após ser agredido ao tentar separar ma briga.

Publicado em

1.262

Contador Roberto Donizete da Cruz, 54 anos (Foto: Reprodução)

Morreu na manhã desta quarta-feira (13) o contador assisense Roberto Donizete da Cruz, 54 anos, popular Robertinho. Ele teve morte cerebral confirmada pelos médicos do Hospital das Clínicas de Marília por volta das 8h40.

O caso

Roberto foi hospitalizado após ser agredido enquanto tentava apartar uma briga que ocorria dentro do Clube da Terceira Idade de Assis, em uma festa de FlashBack. Segundo informações, no momento em que ele tentava apaziguar a confusão, um segurança o agarrou e o levou para fora do clube e o agrediu com um soco, neste momento ele caiu e bateu com a cabeça ao solo e ficou desacordado.

Ele foi socorrido por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado as pressas a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Assis, mas pela gravidade foi encaminhado ao Núcleo de Atendimento Referenciado (NAR) do Hospital Regional de Assis, e em seguida ao Hospital das Clínicas de Marília, onde passou por cirurgia no cérebro.

Desde então ele ficou em observação, mas na manhã desta terça não resistiu e foi a óbito.

Polícia

Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá

Apesar do susto, ninguém se feriu.

Publicado em

Do i7 Notícias
Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá (Foto: Manoel Moreno)

Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá (Foto: Manoel Moreno)

Um carro colidiu na traseira de uma carreta, na noite da última quarta-feira (12), na Rodovia Prefeito José Gagliardi, entre Paraguaçu Paulista (SP) e Quatá (SP).

De acordo com informações, a carreta, com placas de Marília (SP), reduziu a velocidade para entrar em um posto de combustíveis, quando foi colidido na traseira pelo carro, com placas de Pirassununga (SP).

O Resgate do Corpo de Bombeiros foi até o local, mas não foi necessário ninguém ser encaminhado para atendimento médico.

Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá (Foto: Manoel Moreno)

Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá (Foto: Manoel Moreno)

Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá (Foto: Manoel Moreno)

Carro colide na traseira de carreta na rodovia Paraguaçu/Quatá (Foto: Manoel Moreno)

Continue lendo

Polícia

Vítimas registram ocorrências de furtos a residências em Paraguaçu Paulista

Os furtos ocorreram nos dias 10 e 12 deste mês.

Publicado em

Do i7 Notícias

Dois moradores de Paraguaçu Paulista tiveram as suas residências furtadas nesta semana. Eles comparecerem à Delegacia de Polícia para registrarem o Boletim de Ocorrência.

No último dia 10, a moradora, de 25 anos, relatou que ao chegar na sua casa, localizada na Rua Oldack Noya, encontrou a porta da cozinha arrombada e se deparou com a sua casa toda revirada. Segundo ela, foram furtadas uma caixa de som portátil da marca JBL e um televisor AOC 32”.

Já no dia 12, a vítima foi um idoso, de 82 anos, que relatou que indivíduos pularam a grade do quintal da sua residência, localizada na Rua Expedicionários, e furtaram quatro cadeiras de área.

Nas duas ocorrências, os autores dos furtos ainda não foram identificados e os produtos não foram localizados.

Continue lendo

Polícia

Mulher quase perde mais de R$ 1.450 após cair em golpe de WhatsApp, em Paraguaçu

Golpe clona contas de WhatsApp para pedir dinheiro a contatos de vítimas.

Publicado em

Do i7 Notícias

Uma moradora de Paraguaçu Paulista (SP) foi vítima de um golpe aplicado pelo WhatsApp, e por pouco não perdeu mais de R$ 1.400,00. O fato aconteceu no último dia 07, mas só foi registrado nesta segunda-feira, dia 10.

A vítima, uma mulher de 48 anos, relatou que recebeu uma mensagem, via WhatsApp, de um dos seus contatos, onde dizia que estava com o limite da conta bancária excedido e teria que fazer um pagamento naquele dia para uma pessoa, e que necessitava de um empréstimo de R$ 1.450,00, que seria devolvido no dia seguinte. Ela relatou que imediatamente fez a transferência para uma conta em nome de Rafael Laudino de Souza.

Logo após, a vítima entrou em contato com a suposta solicitante do empréstimo, mas o telefone dela encontrava-se em caixa postal, resolvendo então ligar na empresa dela, quando o funcionário informou que a sua patroa teve o celular clonado.

Rapidamente, a vítima dirigiu-se até a agência bancária e conseguiu realizar o bloqueio do valor transferido.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas