Fique conectado

Polícia

Homem chuta e bate cabeça de mulher no chão e é preso

Vítima e o acusado são andarilhos e saíram de Assis e foram pra Marília, onde aconteceu a agressão.

Publicado em

2.147

Homem chuta e bate cabeça de mulher no chão e é preso

Um homem que só teve as iniciais divulgadas E.S.S., de 32 anos, foi identificado e preso, na noite desta quarta-feira (18), pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) após tentar matar sua companheira na última segunda-feira (16) no Centro de Marília.

Segundo a polícia a tentativa de feminicídio ocorreu na frente da Praça São Bento, por volta de 18h. E.S.S. começou a agredir sua companheira e a jogou no meio da rua, batendo sua cabeça no chão.

Em seguida, desferiu mais de dez chutes na cabeça da vítima, até que motoristas que passavam pelo local o questionaram.

Câmeras de segurança registraram a agressão, as imagens são fortes. O autor fugiu e a vítima, de 28 anos, foi socorrida por populares.

No momento a mulher está na UTI do Hospital das Clínicas em coma. Ela e o acusado são andarilhos e saíram de Assis (SP) e foram pra Marília.

Os dois estavam em Marília há apenas poucas semanas, morando na Praça São Bento e vivendo de esmolas. A DDM conseguiu localizar o autor e pediu sua prisão, a qual foi decretada pela Justiça.

E.S.S. foi preso temporariamente e encaminhado para a Cadeia Pública de São Pedro do Turvo.

Veja o vídeo:

Polícia

Corpo encontrado enterrado no Cervinho é de mulher desaparecida

Vítima tinha 46 anos e era moradora de Cambará (PR).

Publicado em

Do AssisNews
Corpo encontrado enterrado no Cervinho é de mulher desaparecida (Foto: Arquivo Pessoal)

O corpo de uma mulher, que foi encontrado enterrado em um canavial na Água do Cervinho, na zona rural de Assis (SP), foi identificado nesta sexta-feira (18).

Trata-se de Vera Soares, de 46 anos, moradora de Cambará (PR), que estava desaparecido desde o dia 9 de outubro.

O corpo foi identificado pelo filho da mulher, Bruno Everson Soares, de 27 anos, que reconheceu o corpo no IML da cidade. Ainda segundo Bruno, o corpo não tem marcas de tiro, nem de facadas.

O corpo de Vera será liberado e sepultado em Cambará.

A Polícia Civil vai investigar o caso.

O Caso

Segundo os bombeiros, moradores que passavam pelo local no fim da tarde sentiram um cheiro muito forte e encontraram uma mão estava para fora da terra. Os moradores, então, acionaram a polícia, que chamou os bombeiros para desenterrar o corpo.

De acordo com os bombeiros, pela situação que o corpo foi encontrado aparentava que a mulher foi enterrada há pouco tempo.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Assis para passar por exames e saber a causa da morte.

Continue lendo

Polícia

Dono de fazenda é multado em mais de R$ 23 mil na região

Homem recebeu um auto de infração ambiental por queima de cana de açúcar.

Publicado em

Do Marília Notícia
Dono da fazenda foi multado (Foto: Divulgação)
Dono da fazenda foi multado (Foto: Divulgação)

O dono de uma fazenda foi multado nesta quinta-feira (17) por fogo em área pastoril na área rual de Ibirarema (SP).

Segundo a Polícia Ambiental, durante patrulhamento uma equipe visualizou uma área agropastoril com queima de cana de açúcar, sem autorização do órgão competente.

A área total atingida foi de 23,84 hectares. Foi realizado contato com o responsável pela fazenda sendo lavrado um auto de infração ambiental no valor de R$ 23.840.

Dono da fazenda foi multado (Foto: Divulgação)

Dono da fazenda foi multado (Foto: Divulgação)

Continue lendo

Polícia

Mulher morre após ser esfaqueada pelo namorado em Assis

Vítima chegou a passou por cirurgia, mas não resistiu e morreu.

Publicado em

Do AssisNews
Mulher morre após ser esfaqueada pelo namorado em Assis (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Uma mulher de 35 anos morreu após ser esfaqueada pelo próprio namorado na madrugada desta quinta-feira (17) em Assis (SP).

De acordo com informações da Polícia, o caso foi registrado por volta das 4h30, na Rua Pedro Alvares Cabral, na Vila São Benedito. A vítima, teria sido atingida na região do abdômen e da virilha.

Após o crime o autor, de 29 anos, fugiu, mas foi encontrado e preso pela polícia noite do mesmo dia.

Feminicídio

A vítima chegou a ser socorrida por uma Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros e foi encaminhada ao Núcleo de Atendimento Referenciado (NAR) do Hospital Regional de Assis.

Ela passou por cirurgia, mas não resistiu e morreu.

O homem, que já possuía um mandado de prisão em aberto, foi preso.

Continue lendo
Solutudo 300
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas