Fique conectado

Polícia

Homem baleado na Vila Ribeiro em Assis não corre risco de morte

Crime ocorreu na madrugada de domingo (10) onde outras duas vítimas foram baleadas e morreram.

Publicado em

793

A terceira vítima de um crime chocante ocorrido na madrugada deste domingo (10), na Vila Ribeiro em Assis (SP), segue internado e não corre risco de morte. Victor Hugo, de 23 anos foi um dos três homens baleados em um bar. Outas duas vítimas também foram baleadas e não resistiram.

A ocorrência foi registrada em um bar localizado em um cruzamento das Ruas Antônio José Ribeiro com a João Ribeiro, onde dois indivíduos, ainda não identificados chegaram no estabelecimento já efetuando os disparos.

Romualdo Bastos Alves, de 48 anos, conhecido popularmente como Madão, era o proprietário do bar e foi uma das vítimas fatais. Ele morreu no local.

Já a outra vítima é o jovem Marco Antônio Lino dos Santos, de 19 anos. Ele foi alvejado por pelo menos três. Ferido, ele chegou a pedir ajuda em uma lanchonete, onde em seguida foi socorrido ao Núcleo de Atendimento Referenciado (NAR) do Hospital Regional de Assis, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Victor Hugo, foi socorrido, onde passou por cirurgia para retirada das balas e seu quadro clínico é estável.

O corpo de Romualdo foi enterrado nesta segunda-feira (11). Já o corpo de jovem Marco Antônio Lino dos Santos, de 19 anos, será enterrado às 10h no Cemitério Municipal da Saudade de Assis (SP).

Três homens são baleados em Assis; dois morreram (Foto: Arquivo Pessoal)

Romualdo Bastos Alves e Marco Antônio Lino dos Santos morreram (Foto: Arquivo Pessoal)

Polícia

Menino morre com suspeita de febre maculosa em Ipaussu

Caso está sendo investigado e a secretaria aguarda os resultados de exames para confirmar a causa da morte.

Publicado em

Do G1
Doença é transmitida pelo carrapato-estrela — Foto: Reprodução TV TEM
Doença é transmitida pelo carrapato-estrela — Foto: Reprodução TV TEM

Um menino de 11 anos morreu na segunda-feira (20), na Santa Casa de Ipaussu, com suspeita de febre maculosa. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a morte foi confirmada duas horas depois que ele chegou no hospital.

O caso foi registrado como “morte indeterminada”, mas a suspeita da febre maculosa é porque o menino costumava brincar em um parque que tem capivaras, animal hospedeiro do carrapato estrela, que transmite a doença.

O caso está sendo investigado e a secretaria aguarda os resultados de exames para confirmar a causa da morte.

A prefeitura de Ipaussu informou que está dando todo o respaldo à família da vítima, e que todas as medidas no combate à febre maculosa vêm sendo tomadas em relação ao manejo das capivaras.

Em outubro do ano passado, a morte de um adolescente de 15 anos por febre maculosa foi confirmada na cidade. Thiago Baroni Costa morreu no dia 3 de outubro de 2019 e a confirmação da causa aconteceu através de exame feito pelo Instituto Adolfo Lutz, de São Paulo.

O adolescente era filho de um dos vereadores de Ipaussu e a prefeitura chegou até decretar luto oficial no dia seguinte à morte dele. O caso foi o segundo registrado na cidade em 2019 e o primeiro de morte em decorrência da doença.

 

Continue lendo

Polícia

Polícia investiga diretora de escola por denúncia de violência contra crianças em Assis

Polícia abriu um inquérito e pediu a prisão da suspeita depois que algumas mães registraram ocorrência contra ela, mas a Justiça não aceitou a solicitação.

Publicado em

Do G1
CPJ Assis

A Polícia Civil abriu um inquérito para apurar denúncias de que uma diretora de escola particular em Assis (SP) teria cometido atos de violência contra crianças.

Segundo a polícia, algumas mães procuraram a delegacia para denunciar a diretora no mês de outubro e relataram que a suspeita agrediu crianças com idade entre 6 e 8 anos.

A diretora foi indiciada pelo crime de tortura-castigo. A polícia pediu a prisão preventiva dela, com concordância do Ministério Público. No entanto, a Justiça não aceitou a solicitação e o caso segue sendo investigado.

Continue lendo

Polícia

Casal é preso ao ser flagrado com mais de 50 quilos de maconha em Ourinhos

Dupla foi abordada na Rodovia Transbrasiliana nesta segunda-feira (20).

Publicado em

Casal é preso em flagrante com mais de 50 quilos de drogas em Ourinhos — Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal
Casal é preso em flagrante com mais de 50 quilos de drogas em Ourinhos — Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal

Um casal foi preso após ser flagrado transportando 50 quilos de maconha na Rodovia Transbrasiliana (BR-153), em Ourinhos (SP), nesta segunda-feira (20).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o homem de 23 anos e a mulher de 22 foram abordados na divisa do estado de São Paulo com o Paraná.

Policiais da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) de Ourinhos avisaram a Polícia Rodoviária sobre o carro, com placas de Hortolândia (SP), que passaria pelo trecho e seguia com destino a Campinas.

O casal foi preso em flagrante e encaminhado a DISE de Ourinhos, permanecendo à disposição da Justiça.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas