Neymar prestigia vitória do Santos e faz uma ponta na coletiva do Carille

Neymar chega 30 minutos atrasado ao jogo do Santos contra o Corinthians, mas comparece a tempo de ver vitória do Peixe na Vila Belmiro. Técnico Carille elogia desempenho da equipe e recebe abraço do jogador durante coletiva.

O clássico entre Santos e Corinthians, válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista, teve um toque especial nesta quarta-feira com a presença de Neymar nas arquibancadas da Vila Belmiro. O jogador, ex-Santos e atualmente no Al-Hilal, marcou sua visita ao estádio cumprimentando os torcedores do alto do camarote do presidente do clube, Marcelo Teixeira.

Participação especial na coletiva

Durante a coletiva, Carille recebeu um abraço surpresa de Neymar, que demonstrou seu apoio ao técnico e à equipe santista. Em meio às brincadeiras sobre o atraso do jogador no estádio, Carille não escondeu sua admiração pelo ídolo alvinegro.

“É um ídolo, entre tantos que o Santos tem. Eu acho até bom ele não ter vindo antes do jogo para não tirar o nosso foco. Mexe com todo mundo, a grandeza dele. Na Vila teremos que fazer a diferença sempre com atitudes positivas, temos que fazer voltar a ser o caldeirão que sempre foi”, disse.

Bom início de temporada para o Santos

A vitória por 1 a 0 do Santos foi celebrada não apenas pelos torcedores, mas também pelo técnico Carille, que elogiou o desempenho de sua equipe em campo. O treinador destacou a importância do resultado, especialmente por se tratar de um clássico, e expressou sua satisfação com o trabalho realizado até então.

Apesar da liderança isolada do Santos no Grupo A do Campeonato Paulista e do bom início de trabalho de Carille, o técnico manteve os pés no chão, ressaltando que ainda há espaço para melhorias na equipe. Ele reconheceu a qualidade do elenco santista e agradeceu à diretoria pelos reforços trazidos para a temporada.

Acompanhe notícias do Peixe no X (antigo Twitter):

notícias

Deixe um comentário

Você está aqui : Início > Brasil > Neymar prestigia vitória do Santos e faz uma ponta na coletiva do Carille