Fique conectado

Cidade

Padre Vicente é afastado depois de abençoar união homoafetiva

Diocese de Assis (SP) divulgou um documento informando a decisão nesta quinta-feira (12); casamento entre dois homens foi celebrado no último sábado (7).

Publicado em

959

Padre é afastado depois de abençoar união homoafetiva em Assis — Foto: Reprodução/G1
Padre é afastado depois de abençoar união homoafetiva em Assis — Foto: Reprodução/G1

O padre Vicente Paula Gomes foi afastado de suas funções na igreja católica, nesta quinta-feira (12), depois de abençoar um casamento entre dois homens, no último sábado (7), em uma chácara de Assis (SP).

Segundo o documento divulgado pela Diocese, o decreto de medida cautelar foi baseado no Código Canônico e considera “acusações graves” implicando o cânone. O registro foi assinado pelo Dom Argemiro de Azevedo, bispo diocesano de Assis.

Diocese de Assis divulgou um documento comunicando o afastamento do padre nesta quinta-feira (12) — Foto: Diocese de Assis/Reprodução

Diocese de Assis divulgou um documento comunicando o afastamento do padre nesta quinta-feira (12) — Foto: Diocese de Assis/Reprodução

Durante a cerimônia, o padre defendeu o direito do casal ser considerado uma família e abençoou a união entre os dois homens.

“Achamos que lar basta ter um homem e uma mulher. Família não é só isso. Nuclear uma família significa criar condições para uma vida digna. Por isso, é com alegria que estou aqui”, disse o padre durante a cerimônia.

O padre também admitiu que estava nervoso em celebrar o casamento, já que era a primeira vez que ele dava a bênção para um casal homoafetivo.

“Já estou até pensando no que o Dom Argemiro vai falar segunda-feira, mas a bênção não me diminui, nem vai diminuir a igreja, nem vocês”, garantiu o padre.

O documento da Diocese diz que o padre ficará suspenso até o fim dos procedimentos que avaliam a postura dele dentro dos preceitos da igreja. O G1 tentou entrar em contato com a padre Vicente Paula Gomes, mas não obteve retorno.

Outro caso na região

Na região de Bauru (SP), outro padre também foi punido por defender a união entre homossexuais — Foto: Arquivo Pessoal / Fábio Fornaroli

Na região de Bauru (SP), outro padre também foi punido por defender a união entre homossexuais — Foto: Arquivo Pessoal / Fábio Fornaroli

Na região de Bauru (SP), outro padre também foi punido por defender a união entre homossexuais. O Padre Roberto Francisco Daniel, conhecido como Padre Beto, foi excomungado pela Diocese em 2013, depois da divulgação de vídeos na internet nos quais o padre defendia temas polêmicos, como a união entre homossexuais, fidelidade e necessidade de mudanças na estrutura da instituição.

Em 2018, o caso do Padre Beto foi para análise do Supremo Tribunal Federal, que questionou a forma como foi excomungado pela Igreja Católica. Atualmente, o padre fundou uma igreja própria, onde continua celebrando casamentos homoafetivos.

Cidade

Prefeitura prorroga inscrições para curso gratuito de lubrificação

Mais informações podem ser obtidas pelo número de telefone (18) 3323-2423.

Publicado em

Assessoria

A Prefeitura de Assis, através do Fundo Social de Solidariedade, informa que as inscrições para o curso de técnicas de lubrificação foram prorrogadas e podem ser feitas até o dia 20 de janeiro.

O curso será do dia 21 a 30 de janeiro, com carga horária de 30 horas e é oferecido em parceria com o SENAI. O curso é gratuito.

As aulas serão ministradas na Escola Municipal Profissionalizante em dois horários, das 13h às 17h e das 18h às 22h.

Os requisitos para fazer o curso é ter no mínimo 16 anos, ter concluído o Ensino Fundamental, e apresentar cópias do RG, CPF e comprovante de residência.

As inscrições devem ser feitas na sede do Fundo Social na Rua Dr. Geraldo Nogueira Leite, n° 1735, Vila Cambuí.

Mais informações podem ser obtidas pelo número de telefone (18) 3323-2423.

Continue lendo

Cidade

Rotary Club de Assis do Vale faz doação ao Asilo São Vicente de Paulo

Em 2020 o leilão já tem data marcada: dia 20/09.

Publicado em

Rotary Club de Assis do Vale faz doação ao Asilo São Vicente de Paulo

No dia 20 de dezembro de 2019, os integrantes do Rotary Club de Assis do Vale: presidente Marcelo Xavier Baldo, secretário Osmar Vilas Boas e o secretário Tiago Pinheiro, entregaram ao Presidente do Asilo São Vicente de Paulo de Assis, Joaquim Carvalho Motta Junior, o cheque simbólico no valor de R$ 43.426,50.

A quantia foi arrecadado para a entidade no Leilão de Gado do Rotary Club Assis do Vale em parceria com o Asilo São Vicente de Paulo, realizado em 27/10/2019, na sede da entidade.

Valor é parte do lucro arrecadado no evento, que tem por objetivo ajudar no custeio, manutenção e término da construção do barracão do Asilo São Vicente de Paulo.

A outra parte do lucro é destinado à atividades e projetos do Rotary Internacional, principalmente no Combate a Polio e a projetos locais que o Rotary Club de Assis do Vale desenvolve em Assis (SP). E em 2020 o leilão já tem data marcada: dia 20/09.

Continue lendo

Cidade

Chuva provoca cratera que engoliu calçada e parte de avenida em Assis

A cratera já destruiu a calçada e avançou em direção à pavimentação asfáltica.

Publicado em

Do AssisNews
Com informações do Jornal da Segunda
Cratera engoliu a calçada e parte do asfalto (Foto: Reprodução/Jornal da Segunda)
Cratera engoliu a calçada e parte do asfalto (Foto: Reprodução/Jornal da Segunda)

A forte chuva que atingiu Assis (SP) nesta quinta-feira (09) causou diversos estragos na cidade além de diversos pontos de alagamento.

Um dos estragos registrados na manhã desta sexta-feira (10) foi uma cratera que na Avenida Marechal Deodoro, nas imediações do Mercado Modelo Municipal (Mercadão).

O grande buraco ocorreu em canteiro de uma obra particular, na esquina da rua Santa Cecília com a avenida e está completamente alagado. A cratera já destruiu a calçada e avançou em direção à pavimentação asfáltica.

Operários que trabalham na construção colocaram cones com fita zebrada para impedir que pedestres ou mesmo que ciclistas, motociclistas ou motoristas sejam tragados pelo buraco aberto.

Há risco de novo desmoronamento das calçadas próximas e da própria via.

Procurado pela reportagem, o secretário municipal de Planejamento, Obras e Serviços, Clóvis Marcelino da Silva, determinou que uma equipe se dirigisse ao local para verificar que providências a serem tomadas.

Alagamentos

Na avenida Mário de Vitto no Parque Universitário o trânsito ficou lento devido o alagamento na ponte que liga o bairro à Vila Prudenciana.

Já na avenida 9 de julho, nas proximidades do prédio do INSS, a água atingiu um alto nível chegando a metade dos veículos.

Um morador local registrou o momento, assista abaixo.

Continue lendo
WhatsAssp AssisNews
Publicidade

FaceNews

Mais lidas