Show de Gusttavo Lima foi cancelado por falta de pagamento, diz site

Segundo informações dos organizadores do evento, houve um problema de logística que dificultou a apresentação do cantor sertanejo.

Um pequeno tumulto se formou na noite desta sexta-feira (20), após o anúncio de cancelamento do show de Gusttavo Lima, que aconteceria na “Assis Country Fest”, evento realizado no Parque de Exposições Jorge Alves de Oliveira, no município de Assis (SP). De acordo com os seguidores do sertanejo, o palco já estava montado aguardando apenas a entrada do artista. Segundo nota oficial dos organizadores, um problema não explicado na logística acabou transferindo a apresentação para nova data.

“A equipe da CNE Produções e Eventos – organizadora do Assis Country Fest – informa oficialmente que o show de Gusttavo Lima foi transferido e acontecerá em uma nova data, que será confirmada o mais breve possível. Problemas de logística dificultaram o acontecimento do show.”, dizia o comunicado que também foi divulgado através das redes sociais relacionadas ao evento.

Cartaz de divulgação da 'Assis Country Fest' (Foto: Reprodução/Internet)
Cartaz de divulgação da ‘Assis Country Fest’
(Foto: Reprodução/Internet)

Fãs revoltados que chegaram a pagar até R$ 90 pelo ingresso no camarote exigiram o reembolso de seus ingressos. A situação foi controlada pelos produtores locais que garantiram a devolução da quantia, mas sem especificar uma data. “Se não tem Gustavo Lima pelo menos tem o ônibus dele que está presente no evento. Acho que ônibus que vai cantar no lugar dele”, escreveu um fã na internet.

Em um último post publicado no seu perfil em uma rede social, poucas horas antes do previsto para subir ao palco, Gusttavo Lima postou uma foto onde aparecia próximo a um helicóptero. A imagem estava com a seguinte legenda: ”Se você quiser alguém em quem confiar, confie em si mesmo. Quem acredita sempre alcança’.”

Procurado pelo site EGO, um dos responsáveis pelos contratos de shows assinados por Gusttavo Lima e também seu produtor pessoal, Marlus Marcelus, informou que Gusttavo não se apresentou em Assis por falta de pagamento: “Não nos pagaram. Realmente não fomos por falta de pagamento. A banda chegou a se hospedar em Assis. Como não recebemos, não mandei o Gusttavo para a cidade e retirei toda a equipe de lá”, explicou o produtor.

Marlus chegou a enviar uma notificação extrajudicial para os contratantes: “Considerando que a notificada não cumpriu com a obrigação de pagar, estabelecida na cláusula 2ª, e determinada na forma estabelecida na cláusula 3ª, do INSTRUMENTO PARTICULAR DE LOCAÇÃO DE SERVIÇOS DE APRESENTAÇÃO ARTÍSTICA, não tendo pago, até a presente data, o valor integral do contrato“, dizia um dos trechos do documento.

Sobre os problemas com o cachê de Gusttavo, a produtora enviou um comunicado oficial para o público pagante do show: “Na tarde de ontem a equipe da CNE Promoção e Eventos recebeu a equipe de staff do cantor Gusttavo Lima em Assis as 16 horas no HD Plaza Hotel e recebeu a informação de que deveria ser pago o restante (aproximadamente 20% do cachê do artista), contrariando o combinado entre as duas partes no ato da contratação do artista para o show da última sexta-feira no Assis Country Fest, que previa o pagamento para até as 23:30 da noite do show.

Os demais shows programados para o evento que iria até domingo, 22, também foram cancelados. Entre as atrações estavam as duplas sertanejas Chitãozinho & Xororó, Maria Ceccília e Rodolfo e Guilherme e Santiago.

#MAIS LIDAS DA SEMANA